Pravda.ru

CPLP » Timor Leste

ONU: Timor-Leste faz progresso

01.02.2010
 
ONU: Timor-Leste faz progresso

Nova enviada da ONU avalia os progressos realizados pela força policial em Timor Leste. Desde Maio em Lautem a polícia timorense tem estado a dar em excelente exemplo de profissionalismo.


Na sua primeira visita desde que assumiu o posto de enviada das Nações Unidas em Timor-Leste, Ameerah Haq esta semana viu em primeira mão os grandes passos dados pela polícia timorense, que estão gradualmente assumindo a responsabilidade.


Ms. Haq, Representante Especial do Secretário-Geral, parou no início desta semana em delegacias de polícia em Lautem, o bairro mais oriental do país, o primeiro em que a missão da ONU, conhecida como a UNMIT, entregou responsabilidades à Polícia Nacional timorense (PNTL ) em maio passado.


”Estou impressionada com o nível de organização e profissionalismo apresentado por membros da PNTL no distrito de Lautem, bem como a relação contínua de trabalho com a UNPOL [polícia das Nações Unidas] cujos oficiais agora se concentram no acompanhamento e orientação dos seus colegas da PNTL no distrito”, disse ela .


Os oficiais também visitaram Baucau, que está preparado para assumir a responsabilidade sobre o policiamento. Lá, ela se reuniu com o Administrador Distrital, António Guterres, juízes, advogados, procuradores e funcionários judiciais.


"Os tribunais e as polícias são parte de um sistema de justiça", ressaltou ela. "Para que os cidadãos tenham confiança no Estado de Direito, ambos os aspectos do sistema de justiça são precisos para funcionar bem e ser sensível às necessidades das comunidades".


A ONU foi entregando responsabilidades de policiamento para Timor-Leste como parte da transferência gradual das funções de segurança que ele assumiu em 2006, após que dezenas de pessoas foram mortas e 155.000 outras pessoas - ou cerca de 15 por cento da população - foram expulsos de suas casas em uma erupção de violência no país recém-independente.


No mês passado, a PNTL reassumiu a responsabilidade sobre o Serviço de Inteligência da Polícia, a entidade policial sétimo que a UNMIT tem devolvido.


PNTL já reassumiu a responsabilidade em quatro distritos - Lautém, Oecusse, Manatuto e Viqueque. UNMIT, criada em 2006 para substituir várias missões anteriores no pequeno país do Sudeste Asiático que ganhou sua independência em 2002 depois de ter votado a separação da Indonésia, tem atualmente cerca de 1.550 policiais e 30 oficiais de ligação militar no terreno.

Fonte: ONU

Lao MENDES

PRAVDA.Ru

DILI TIMOR LESTE


Loading. Please wait...

Fotos popular