Pravda.ru

CPLP » Portugal

Portugal: Lembrando a crise académica de ‘62

16.03.2007
 
Portugal: Lembrando a crise académica de ‘62

Comunicado
Lisboa, 26 de Março de 1962

Colega: Efectuou-se anteontem o maior atentado de sempre contra a autonomia da Universidade e a dignidade dos professores e alunos. Por ordem do Governo foi encerrada a Cantina Universitária, passando-se por cima do Sr. Reitor, das Associações e da Comissão Administrativa da dita Cantina.


Camiões da polícia, transportando centenas de polícias de choque, armados de pistolas-metralhadoras, tomaram a Cidade Universitária. Tudo isto, para que lá se não realizassem os Colóquios e o jantar de confraternização do Dia do Estudante.

Assim começava a Crise Académica de 62.

Para comemorar os 45 anos da Crise Académica de 62, terá lugar no próximo dia 24 de Março, Dia do Estudante, na Aula Magna, às 11 horas, uma sessão de confraternização e reflexão sobre os acontecimentos que abalaram fortemente as estruturas do regime de Salazar, deixando uma marca indelével em todos os estudantes e professores das então três universidades do país. Seguir-se-á um grande almoço nas instalações da Cantina I (Velha).

O evento, organizado por um grupo composto por dirigentes e estudantes, é aberto à participação de todos os que nos anos 60 partilharam do espírito do movimento associativo estudantil.

Inscrições até dia 18 de Março

Artur Pinto, telefone: +351 218 510 607 (das 20h às 24h), endereço electrónico: diadoestudante@gmail.com

Jorge Galamba, telefone: +351 919 541 506, endereço electrónico: jgalamba@tribconstitucional.pt

Nas inscrições por e-mail indicar a faculdade


Loading. Please wait...

Fotos popular