Pravda.ru

CPLP » Brasil

Tentando derrotar Rousseff a CIA e Soros apostam em Neves

23.10.2014
 
Tentando derrotar Rousseff a CIA e Soros apostam em Neves. 21037.jpeg

Depois que a mídia a CIA e George Soros manipularam tentando lançar Marina Silva para a presidência do Brasil depois do clássico assassinato de Eduardo Campos do Partido Socialista, essas mesmas forças estão agora muito ativas a favor de Aécio Neves. Esse estava no segundo lugar das presidenciais, mas o muito suspeito desastre de avião de 13 de agosto forçou Neves ao terceiro lugar. Marina Silva, a favorita de Soros e sua rede de Organizações Não Governamentais, as quais são verdadeiras caixas internacionais de dinheiro-vivo, tinha sido propelada ao segundo lugar.

Entretanto, conscientes jornalistas do corpo da imprensa nacional brasileira fizeram

Por Wayne Madsen

 

Tradução Anna Malm* Correspondente de Pátria Latina na Europa

  com que a ligação de Marina Silva com Soros e seu time de magnatas intervencionistas, dos fundos de hedge/ ou cobertura, fosse exposta publicamente. [Hedge Fund Tycoons= Fundos nos quais investidores magnatas usam métodos de alto risco de quando usando dinheiro emprestado esperando ganhar com isso grandes somas - Def:- Google]

O conselheiro chefe de Neves para a economia, e o homem que se tornaria em Ministro das Finanças numa administração de Neves, seria Arminio Fraga Neto. Esse é um ex-amigo íntimo e associado de Soros e seu "Quantum Hedge Fund". Fraga tem esperanças de que uma presidência de Neves fosse abrir o Brasil para as "forças do mercado" [ou seja, abrir o Brasil para a lei do asfalto selvagem, das fraudes e desenganos, assim como para o alimentar-se do pão que o própio diabo amassou.]

Essas "forças do mercado"  então são as mesmas forças que declararam uma guerra econômica contra a Venezuela, e que estão tentando extorquir a Argentina através dos fundos abutres administrados pelos amigos de Soros na Wall Street. Armínio Fraga está habituado a ir ao encontro anual do Forum Econômico Internacional de Davos, na Suiça, e ele é também ex-executivo do Salomon Brothers, assim com um ex-presidente do Banco Central do Brasil, BCB. Armínio Fraga esteve ligado ao Goldman Sachs através de um negócio com uma imobiliária de Manhattan, negócio esse que envolvia a compra de um condomínio no valor de $7.5 milhões de dólares de um ex-executivo do Goldam Sachs e do Lehman Brothers. A sua qualidade de sócio no elitista Conselho das Relações Exteriores [Council on Foreign Relations] e no grupo dos 30 põe Armínio Fraga Neto no mesmo campo que infames vilões da Wall Street como Alan Greenspan, David Rockefeller, o ex-presidente do Banco de Israel Jakob Frenkel, e o apologista/colunista da Wall Street Paul Krugman, assim como do ex-Secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Larry Summers.

A fácil vitória de Dilma em 5 de outubro pôs a Wall Street com os seus próprios, assim como os por si dirigidos meios de comunicação, os quais opõem os planos que tem a participação de Dilma para a criação de um Banco de Desenvolvimento alternativo para competir com o Banco Mundial, banco esse a ser criado pelo Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul,ou seja, os BRICs, num aguçado modo de oposição, o que resultou num nível extremo de propaganda que inclui prognósticos muito questionáveis, enfim, propaganda e não prognósticos, dizendo que Dilma e Neves teriam entrado em paridade. Depois disso os patéticos estenógrafos, se fantasiando de jornalistas no Wall Street Journal, Financial Times, Bloomberg News, e Forbes, distribuiram o bugalho como notícias seriosas. 

O avô de Aécio Neves, Tancredo Neves, um centro-esquerda que estava ameaçando destruir, na opinião de certos militares, o alcançado pela longa ditadura militar de então, ficou sériamente doente logo antes da sua pose da presidência, em 15 de março de 1985. A doença de Tancredo Neves fez com que o, frente as circunstâncias,  medíocre e conservativo vice presidente José Sarney fosse declarado presidente. Tancredo Neves nunca se recuperou do que foi denominado como diverticulitis, e ele morreu em 21 de abril. Mais tarde foi dito que Tancredo Neves tinha um cancer que foi descoberto tarde demais. O repentino mal estar de Dilma depois do seu televisionado debate com Aécio alarmou um grande número de brasileiors que ainda se lembravam de Tancredo Neves.

Além da CIA ter arranjado convenientes desastres aéreos como os que mataram o Primeiro Ministro de Portugal Francisco Sá Carneiro, o líder de Panamá Omar Torrijos e o Presidente do Equador Jaime Roldos, todos eles dentro de um período de seis meses indo de dezembro de 1980 a abril de 1981 [depois da eleição de Ronald Reagan e o retorno em poder na CIA de George H W Bush e os infames pistoleiros de William Casey] a divisão de serviços técnicos da agência continua a desenvolver armas biológicas, o que incluiria cancer, para assassinar seus alvos políticos.

Em recente anos um número de líderes latinoamericanos foram derrubados ou mortos por cancer ou ataques do coração. As vítimas mais conhecidas foram os presidentes da Venezuela, Hugo Chaves, e da Argentina, Nestor Kirchner. A agora presidenta da Argentina, a viúva Cristina Fernandez de Kirchner, foi reportada como tendo cancer da tiróide, mas isso foi desmentido mais tarde. Entretanto, o repentino iniciar de vários graus de cancer atormentaram líderes latinoamericanos como o presidente do Paraguai Fernando Lugo (o qual foi depois derrubado pela CIA através de um golpe de estado), o presidente da Colômbia Juan Manuel Santos (depois dele ter assinado um acordo de paz com o movimento guerrilheiro de esquerda conhecido como FARC, o ex-presidente do Brasil Lula da Silva e o recentemente reeleito presidente da Bolívia, Evo Morales.   

O presidente da Guyana, Forbes Burnham morreu de um cancer na garganta, e o presidente de Nauru, Bernard Dowiyogo morreu de um repentino ataque do coração. Ambos enquanto sendo atendidos em hospitais de Washington DC. Suspeitas se levantaram quanto a essas duas mortes, respectivamente nos hospitais da Universidade de Georgetown e de George Washington.  

O macabre chefe cientista da CIA, o Dr. Sidney Gottlieb, um judeo-húngaro, desenvolveu um grande número de armas biológicas para o projeto MK-ULTRA da CIA durante os seus 20 anos de serviço na agência. Uma dessas era uma toxina biológica que se inseria num tubo de pasta de dente. Essa deveria ter sido usada contra o Primeiro Ministro do Congo, Patrício Lumumba. Uma outra dessas armas biológicas foi usada para infecionar um lenço com botulismo. Esse lenço estava destinado a ser dado ao general iraquiano, Abdul Karim Kassem.

Quanto a Aécio Neves ter abandonado a posição centro-esquerda de seu avô poderia representar um outro aspecto das operações práticas da CIA quanto ao seu objetivo de poder influenciar atitudes e posições. Aécio Neves representa os interesses da Wall Street, o que se mostra com a sua escolha de Fraga como conselheiro chefe para questões econômicas. Abutres da Wall Street, o que incluiria Soros e outros associados de Fraga em Nova Iorque, querem especialmente privatizar uma estatal brasileira, a Petrobras. Portanto, tem-se que Aécio Neves tenha sido cuidadosamente escolhido para ser comprado pelos mesmos interesses financeiros globalizados que tentaram propelar Marina Silva a presidência do Brasil. Com a sua derrota, essas mesmas forças estão agora tentando propelar Aécio Neves. 

Para a CIA sangue não importa mais que água. O fato da CIA poder ter assassinado seu avô não parece importar muito para Aécio. O filho de Omar Torrijo, Martin Torrijos, tornou-se presidente do Panamá principalmente para que assinasse um acordo de comércio livre com Washington. Martin Torrijo também depois seguiu complacentemente as ordens dos banqueiros para aumentar a idade de aposentadoria dos panamenhos, e para fazer uma reforma da segurança social. Martin Torrijo tornou-se  num próximo aliado do ex-presidente dos Estados Unidos George W. Bush, mesmo que o pai de Bush, George H W Bush, provavelmente tenha determinado as operações da CIA para assassinar o próprio pai de Torrijo.

A lider da oposição asiática favorita de George Soros, Aung San Suu Kyi, parece não se importar com o fato de que os amigos de Soros no Sector dos Serviços Estratégicos/ CIA tenham dado ordens ao serviço de inteligência britânico para assassinar seu pai, Aung San. Ele foi o fundador do Partido Comunista de Burma, e o programado para ser o primeiro dirigente de uma Burma pós-independência. Aung San foi assassinado por terroristas trabalhando para o pró-britânico ex-primeiro ministro U Saw. As armas para esse assassinato vieram diretamente do capitão do Exército Britânico, David Vivian que conseguiu com "ajuda" de altas instâncias do governo em Burma, fugir da sua prisão burmesa em 1949.

O líder do Partido Liberal do Canadá, Justin Trudeau, filho do ex-primeiro ministro Pierre Elliot Trudeau, foi, diferenciando-se aqui do seu pai, influenciado pelos Estados Unidos e Wall Street para a causa da globalização. Justin Trudeau e Aécio Neves são bons exemplos de como a águia da CIA toma abaixo de suas asas a descendência de respeitadas figuras de esquerda para conseguir seus objetivos.

As diretivas políticas da Presidenta Dilma Rousseff criaram inimigos muito poderosos dentro dos recessos da CIA em Langley, Virginia, e dentro dos salões das diretorias da Wall Street, assim como das mais poderosas corporações do mundo. Ela teve sucesso quanto a provar que os "entendidos do assunto" e os prognósticos dos mesmos, e correlacionados, estavam errados. Agora tem-se o próximo obstáculo, 26 de outubro. O povo do Brasil vai votar em 26 de outubro como se suas vidas estivessem dependendo disso.

Para os pobres e a nova classe média do Brasil uma vitória de Neves iria destruir não só a sua subsistência e ganha pão, assim também como suas próprias vidas.

[Diga-se então de passagem que não só a deles, assim também como não só dos brasileiros, uma vez que essa realidade agora é global.]

Palavras chaves: Brasil América Latina US Rousseff Soros

Copyright Strategic Culture Foundation  www.strategic-culture.org

Anna Malm* - http://artigospoliticos.wordpress.com  www.facebook.com/anna.malm.1238

 


Loading. Please wait...

Fotos popular