Pravda.ru

CPLP » Brasil

Candidatura do RJ para Patrimônio da Humanidade

05.05.2009
 
Candidatura do RJ para Patrimônio da Humanidade

A cidade do Rio de Janeiro pode virar Patrimônio da Humanidade na categoria paisagem cultural. A candidatura oficial foi lançada na segunda-feira (4), quando o ministro da Cultura, Juca Ferreira, o governador Sérgio Cabral e o prefeito Eduardo Paes assinaram um termo de cooperação para a criação de um comitê que será responsável pela mobilização da campanha. O resultado só será conhecido em agosto de 2010.

A cidade do Rio de Janeiro pode virar Patrimônio da Humanidade na categoria paisagem cultural. A candidatura oficial foi lançada na segunda-feira (4), quando o ministro da Cultura, Juca Ferreira, o governador Sérgio Cabral e o prefeito Eduardo Paes assinaram um termo de cooperação para a criação de um comitê que será responsável pela mobilização da campanha. O resultado só será conhecido em agosto de 2010.


O título na categoria paisagem cultural é atribuído a locais em que a relação entre a cultura humana e o ambiente natural geram uma identidade particular. Dentro desse critério, alguns dos destaques que podem conferir o título ao Rio de Janeiro são as florestas tropicais e parques, as praias e manifestações culturais populares como o carnaval, conhecido em todo o mundo, o samba e a bossa nova.


Iphan - Segundo o presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Luiz Fernando de Almeida, se a campanha for vitoriosa, o Rio de Janeiro será a primeira cidade a receber o título nesta área. “A paisagem construída, transformada é um exemplo único, um monumento à qualidade de vida, ao senso estético e ao prazer de viver na cidade. Não existe nenhuma cidade patrimônio enquadrada na categoria paisagem cultural. Também não existe nenhuma cidade no mundo igual ao Rio de Janeiro”, disse.


Para o ministro Juca Ferreira, a candidatura deve ser defendida não só no Rio, mas no Brasil. “Com o reconhecimento, ela passa a ser parte da humanidade, podendo ser apropriada por todos e trará efeitos práticos em todos os sentidos. Por isso, a candidatura tem que ser encarada como brasileira”, afirmou.


O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, destacou os benefícios que a candidatura vai trazer para a cidade. “É uma oportunidade fantástica, já que a cidade vai ter mais projeção internacional. O título também vai obrigar uma ação integrada de preservação entre as três esferas de governo, independentemente de quem são os governantes”, lembrou.


Iniciativa - Fazem parte do movimento pela candidatura do Rio organizações como Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Associação Brasileira de Imprensa, Academia Brasileira de Letras, Comitê Olímpico Brasileiro, Associação dos Empreendedores Amigos da Unesco, Associação Comercial do Rio de Janeiro e Federação das Indústrias do Rio de Janeiro, entre outras.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República


Loading. Please wait...

Fotos popular