Author`s name Timothy Bancroft-Hinchey

PEV exige esclarecimentos sobre Linha do Tua

O Deputado do Grupo Parlamentar “Os Verdes”, Francisco Madeira Lopes, entregou na Assembleia da República uma pergunta em que questiona o Governo, através do Ministério das Obras Públicas Transportes e Comunicações, sobre a possibilidade de estarem já a decorrer obras para a construção da Barragem da Foz do Tua, com trabalhos na Linha do Tua.

PERGUNTA:

Foi noticiada ontem, no Jornal de Notícias on-line, na secção “Cidadão Repórter”, uma denúncia de um cidadão, acompanhada de uma fotografia, revelando que terão sido recentemente “arrancadas linhas na Estação do Tua” e “No seu lugar foi construído um estradão de terra batida ao longo da parte de via estreita, ou seja, na Linha do Tua”.

Aventa este cidadão a hipótese de se estar a “preparar o corredor rodoviário para o início da construção da barragem”.

A confirmarem-se tais factos e propósitos tal seria extremamente grave já que a Barragem da Foz do Tua ainda se encontra em fase de consulta pública do respectivo Estudo de Impacto Ambiental, não existindo ainda qualquer decisão, favorável ou desfavorável, em relação à sua construção. De qualquer forma, e a acreditar nas declarações do Governo na Assembleia da República, designadamente durante a última audição da Sra. Secretária de Estado dos Transportes, ocorrida há poucos meses na Comissão Parlamentar de Obras Públicas a requerimento de “Os Verdes”, a reabertura da Linha do Tua estaria assegurada, com os devidos investimentos.

Com efeito, apesar das características desta Linha, próprias de uma linha de montanha como tantas existem pelo mundo fora e noutros locais de Portugal, não existem razões objectivas que impeçam o bom e regular funcionamento da Linha do Tua, depois dos investimentos e obras necessários para a melhorar e dotar de toda a tecnologia de segurança actualmente existente.

A Linha do Tua, e o Vale do Tua, constituem um património industrial, cultural e natural ímpar no nosso país, para além do importante papel como meio de transporte e comunicação, com vantagens ambientais, na mobilidade das populações daquela região, e potencial de desenvolvimento que encerra.

Assim, solicito, ao abrigo das disposições constitucionais e regimentais aplicáveis, a V. Exa. o Presidente da Assembleia da República que remeta ao Governo a presente pergunta para que o Ministério das Obras Públicas Transportes e Comunicações me possa prestar os seguintes esclarecimentos:

Confirma o Ministério a retirada de carris e / ou de travessas da Linha do Tua, designadamente junto à Estação do Tua? Em caso afirmativo, que entidade está a proceder a tal obra?

Confirma o Ministério a construção de um estradão de terra batida no lugar da linha ou no seu aterro? Em caso afirmativo qual o fim do mesmo?

Em que fase se encontram as obras de reparação da linha do Tua com a vista à sua reabertura?

Para quando se prevê a reabertura à circulação na linha do Tua conforme foi assegurado que aconteceria pela Sra. Secretária de Estado dos Transportes em sede da Comissão Parlamentar de Obras Públicas?

Subscrever Pravda Telegram channel, Facebook, Twitter