Pravda.ru

Notícias » Angola


Acção contra SIDA

01.03.2005 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Um alto oficial da ONU, Stephen Lewis, enviado especial da Organização para Angola, declarou hoje que Luanda tem de agir já se Angola não quiser sofrer o mesmo destino dos seus vizinhos relativamente ao flagelo da SIDA.

E enviado descreveu a situação em Angola como “estar no gume da faca”, acrescentando que “Angola irá cair no abismo da devastação do pandemia, ou Angola irá cumprir um esforço de prevenção herculeano e manter uma baixa taxa de prevalência”, disse Stephen Lewis.

O Relatório dos Centros para o Controlo de Doenças deu em 2004 uma taxa de prevalência de apenas 2,8% para Angola, baixíssima para a região, comparada com os 37% da Botswana, 17% da Zâmbia e 21% da Namíbia.

No entanto devido a esta situação a taxa em certas zonas fronteiriças é maior em Angola. Cunene, que tem fronteira com a Namíbia, tem uma taxa de 9%.

O oficial elogiou o governo da Angola pelos seus esforços mas avisou que qualquer falso optimismo poderia ter um preço muito caro.

Acácio BANJA PRAVDA.Ru LUANDA ANGOLA

 
1091
Loading. Please wait...

Fotos popular