Pravda.ru

Desporto

Shevchenko perseguido por falar russo

18.01.2007
 
Shevchenko perseguido por falar russo

O atacante do Chelsea Andriy Shevchenko supôs que as insinuações de ter um relacionamento especial com o dirigente bilionário, Roman Abramovich,  explicam-se por manterem contatos entre si em russo.

"Tem coisas escritas sobre o meu relacionamento com Roman Abramovich que foram superexageradas. Minha relação com ele é a mesma de todos os jogadores", disse ele numa entrevista  ao diário The Times nesta quinta-feira.

"Pode ser que trocamos uma palavra um com ou outro, mas isso é natural, pois ambos falamos russo. Talvez eu não devesse falar em russo."

Shevchenko marcou somente cinco gols nesta temporada e o técnico José Mourinho fez referências veladas sobre falta de esforço.

Reportagens de jornais britânicos disseram que o apoio de Abramovich ao atacante fora de forma é um dos muitos temas que criaram disputas com Mourinho e que podem convencer o técnico português a sair no final da temporada.

Shevchenko disse que não tem intenção de deixar o clube londrino.

"Venho sendo atacado por todos os lados, mas pretendo seguir", disse.

"Vou agarrar com os dentes. Não sou de desistir. Só quero ficar fora de política."

Ele disse também que aceitou a decisão de Mourinho de deixá-lo no banco nos últimos jogos.

"Ele é o técnico", disse Shevchenko. "Se ele decidir que não sou capaz, só posso trabalhar mais duro. Não importa o que eu acho."

 Com Reuters


Loading. Please wait...

Fotos popular