Pravda.ru

Ciência

Origem da Vida, Impostura dos Evolucionistas

10.08.2008
 
Pages: 12

Tudo o que os cientistas fizeram foi a engenharia, em laboratório, de formas de vidajáexistentes, logrando a produção de novas formas de vida, mas eles não produziram essas novas formas de vida a partir de matéria não viva. Mesmo se os cientistas um dia produzirem vida a partir de matéria não viva, isso só poderá acontecer ou por meio de projeto ou planejamento inteligente, e portanto isso ainda não dará apoio a qualquer teoria da vida ter-se originado por acaso, ou da evolução.
Mesmo a vida artificial, ou sintética, é uma criação dos cientistas, por meio de projeto inteligente, de um código de DNA construído a partir do "zero" o qual é então inserido numa célula viva já existente.

Não há simplesmente base científica para acreditar-se que a vida possa ter surgido de processos ao acaso, mesmo se supostas as condições ambientais ideais para a manutenção da vida. E se descobrirmos vida em Marte?

Mesmo que descubramos vida em Marte, isso não provará que a vida originou-se por acaso. Ademais, se encontrarmos evidência de vida em Marte, ela mais provavelmente ter-se-á originado em nosso próprio planeta - a Terra! No passado da Terra havia poderosa atividade vulcânica que poderá facilmente ter expelido rochas e detritos contendo micróbios no espaço exterior, muitos dos quais poderão ter finalmente atingido Marte. Um artigo de 21 de setembro de 1998, página 12, na Newsweek, menciona exatamente essa possibilidade.

"Acreditamos que haja cerca de 7 milhões de toneladas de solo da Terra assentadas em Marte", diz o cientista Kenneth Nealson. "Há que considerar-se a possibilidade de, se for descoberta vida em Marte, ela poder ter-se originado da Terra" [Weingarten, T., Newsweek, 21 de setembro de 1998, p.12].

Isso também explicaria, como ressaltou o cientista do MIT Dr. Walt Brown, por que alguns meteoritos contêm compostos orgânicos, visto serem remanescentes do entulho original expelido da Terra devido às antiquíssimas perturbações e atividade geológica muito violentas.
As leis naturais são adequadas para explicar como a ordem funciona na vida, no universo, e até num forno de microondas, mas meras leis naturais não direcionadas não conseguem explicar plenamente a origem de tal ordem.

O melhor artigo já escrito refutando a origem da vida por acaso é "Algumas Razões Pelas Quais uma Origem Evolucionária da Vida é Impossível" - "A Few Reasons an Evolutionary Origin of Life Is Impossible" pelo cientista e bioquímico Dr. Duane T. Gish. O Dr. Gish apresenta "simples" mas profundos impedimentos científicos à evolução que não são mencionados ou cobertos no livro didático de biologia do ensino médio do Joãozinho ou, a propósito, nem nos livros didáticos universitários. É realmente um excelente artigo! Pode-se ter acesso ao artigo do Dr. Gish em http://icr.org/article/3140/ .

Tudo isso simplesmente significa que a ciência real apóia a fé num Projetista inteligente por trás da origem da vida e do universo. É pura questão de justiça que a evidência em apoio da teoria do projeto inteligente seja apresentada aos estudantes paralelamente à teoria da evolução.
A ciência não pode provar que estamos aqui nem por acaso nem por projeto. Ambos exigem fé. Onde você depositará sua fé?
*O autor, Babu G. Ranganathan, é Bacharel em Artes - Bachelor of Arts com concentração em teologia e biologia e foi reconhecido por seus escritos a respeito de religião e ciência na 24a. edição do Quem é Quem no Oriente - Who's Who In The East, da Marquis. Pode-se ter acesso ao website do autor em www.religionscience.com .

Autor do post : Murilo Otávio Rodrigues Paes Leme
morpleme@gmail.com
pwindl@gmail.com

Pages: 12