Pravda.ru

Federação Russa

Rússia rejeita politização da Sputnik V contra Covid-19

17.03.2021
 
Rússia rejeita politização da Sputnik V contra Covid-19. 35070.jpeg

Rússia rejeita politização da Sputnik V contra Covid-19

 

Moscou, 15 mar (Prensa Latina) O porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, disse hoje que as tentativas de politizar o uso da vacina Sputnik V não impedirão o trabalho de cientistas e especialistas russos nesta área.

 

Em resposta a jornalistas, o assessor de imprensa da presidência russa negou que Moscou use a questão da imunização com a droga contra o coronavírus CoV-2 da SARS para fins políticos.

Ele garantiu que, desde o início da doença, o presidente Vladimir Putin se opôs à politização das vacinas. 'Nossa tarefa comum é vacinar a maioria da humanidade o mais rápido possível para impedir esta pandemia', disse ele, de acordo com a agência de notícias TASS.

Ele lembrou que o presidente russo sempre foi contra que essa questão 'se torne um instrumento nas mãos de políticos e provocadores inescrupulosos'.

O porta-voz do Kremlin observou que 'infelizmente, tais tentativas estão ocorrendo, ouvimos muitas declarações, mesmo de países europeus, sem muito sucesso.'

Peskov disse estar convencido de que essas acusações não impedem 'o trabalho consciencioso e sistemático de cientistas e representantes russos, que atendem à crescente demanda internacional pela vacina'.

Desenvolvido pelo Centro Nikolai Gamaleya de Epidemiologia e Microbiologia, com financiamento do Fundo de Investimento Direto da Rússia, a Sputnik V foi a primeira vacina registrada no mundo e já foi aprovada para uso em mais de 50 países.

Atualmente, a Sputnik V é uma das três principais vacinas usadas globalmente contra o coronavírus SARS CoV-2, levando em consideração o número de aprovações emitidas por órgãos reguladores do governo.

Com 91,6%, o medicamento é um dos três com mais de 90% de eficácia no mundo, reconheceu o jornal médico The Lancet.

A publicação britânica destacou ainda que a Sputnik V oferece proteção completa contra casos graves de Covid-19.

mem/mml/kl

 

https://www.prensalatina.com.br/index.php?o=rn&id=39369&SEO=russia-rejeita-politizacao-da-sputnik-v-contra-covid-19