Terroristas chechenos raptam dois trabalhadores da Cruz Vermelha

Dois funcionários da Cruz Vermelha foram raptados na quarta-feira em Chechenia mas a organização ainda não tem quaisquer notícias sobre o evento.

Ainda não recebeu um pedido de resgate, o que é comum nesta situação, que deflagra há dois séculos na região. Há uma cultura de raptos e pedidos de resgate entre certos elementos na Chechenia, uma cultura maléfica que teima em aparecer ao longo da história deste...povo.

O porta-voz da Cruz Vermelha em Moscovo confirmou que os colaboradores foram raptados e apresentou confiança nas autoridades, para que a situação fosse resolvida rapidamente. Disse que a Cruz Vermelha vai continuar a trabalhar na Chechenia, apesar deste acto.

Os dois funcionários da cruz vermelha, Aleksandr Panov e Musa Satushiyev, foram raptados por bandidos chechenos na quarta-feira quando entregavam apoio humanitário a Grozny, cidade capital da Chechenia.

PRAVDA.Ru