Pravda.ru

Notícias » Federação Russa


Tragédia em lar de estudantes

24.11.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Um incêndio que deflagrou no hotel de estudantes da Universidade Popular de Amizade em Moscovo matou 36 pessoas e feriu outros 129, de acordo com as últimas notícias do Ministério do interior.

Kirill Mazurin, porta-voz do Ministério, disse aos jornalistas que 28 corpos foram retirados dos escombros do edifício, quatro morreram fora, tendo saltado para evitar as chamas, outra pessoa morreu na ambulância e mais três durante o primeiro dia das queimaduras. Dos 521 pessoas hospedadas no hotel, estavam 272 na ala onde aconteceu o catastrofe.

A maioria dos estudantes vinham da África e da Ásia e estavam a estudar em Moscovo em programas de troca e apoio educativo.

Investigadores ainda não disseram a causa do incêndio mas tudo indica que foi uma falta elêctrica, como um curto-circuito. O incêncio começou cerca das 02.00 MSK na Segunda feira no segundo andar do edifício de cinco andares, sendo extinto três horas depois. Pensa-se que o incêncio começou num quarto onde estavam três estudantes nigerianas. Uma sobrevivente declarou à PRAVDA.Ru que “tudo começou num instante e que para muitos, a única maneira de se salvar era saltar pelas janelas. Para as pessoas no terceiro andar, foi grave mas para aqueles no quinto, pior”.

Konstantin KODENETS PRAVDA.Ru

 
1335

Fotos popular