Atentado no noroeste do Paquistão. Há vítimas

Segundo a informação das autoridades locais, um suicida a bordo de um carro-bomba atacou ontem um posto militar numa área tribal do noroeste do Paquistão.

Segundo fontes da segurança, o atentado registou-se cerca de seis quilómetros a Leste de Miranshah, principal cidade da região, matando sete soldados, o atacante suicida e ferindo cinco pessoas.

Guerrilheiros da milícia fundamentalista islâmica Taleban e da rede extremista Al-Qaeda atacam com freqüência essa região montanhosa perto da fronteira com o Afeganistão.

O atentado ocorreu depois de os militantes pró-taliban terem anunciado, anteontem à noite, uma trégua de um mês na região. O cessar-fogo deveria permitir a realização de um Conselho de Anciãos, a jirga, encarregado de organizar negociações entre os insurrectos, os habitantes locais e o exército para pôr fim à violência.

Subscrever Pravda Telegram channel, Facebook, Twitter

Author`s name: Pravda.Ru Jornal