Pravda.ru

Sociedade » Turismo

Brasil lança campanha internacional para atrair turistas

24.09.2008
 
Brasil lança campanha internacional para atrair turistas

Nesta segunda-feira (22), em Nova Iorque, foi lançada a campanha Brasil Sensacional, que tem como objetivo atingir o consumidor final de turismo dos Estados Unidos, outros países da América e na Europa. A iniciativa é um novo momento da estratégia de divulgação do Brasil no exterior, pois pega carona em uma fase de estabilidade política e econômica do Brasil.

A campanha mostrará a diversidade do Brasil, que hoje é o 15º país mais procurado como destino turístico pelos norte-americanos. “Queremos que o estrangeiro conheça nossas belezas, nossa cultura e que somos um país em desenvolvimento onde se pode encontrar um turismo diversificado e de qualidade”, diz o ministro do Turismo, Luiz Barretto. Depois de Nova Iorque, o ministro do Turismo desembarcará em Londres, onde também apresentará a nova campanha à mídia inglesa.


Segundo o ministro, a principal meta é mostrar que o Brasil é capaz de proporcionar a vivência de diferentes experiências, em uma mesma viagem. No primeiro momento, de setembro de 2008 a junho de 2009, serão divulgados diversos destinos brasileiros com a intenção de mostrar nossa variedade turística. Nesta fase, foram selecionados para veiculação da campanha os Estados Unidos, Inglaterra, Canadá, Argentina, Chile, Peru, Alemanha, Espanha, França, Holanda, Itália e Portugal.


“Para cada país existirá uma adequação da campanha às suas realidades e ao conhecimento que tem do Brasil”, diz Barreto. A estratégia de publicidade prevê a divulgação em revistas, jornais, mobiliário urbano como ônibus e metrôs e na internet. Haverá também ações de relações públicas junto aos principais veículos de imprensa de todo o mundo. “Hoje, metade da informação do turista, no mundo, é buscada na internet, nas redes sociais, nos sites de relacionamento”, avalia o ministro.


O ministro explica que os lançamentos em Nova Iorque e Londres são estratégicos. “Essas duas cidades fazem parte dos grandes mercados emissores de turistas no mundo e são os dois pólos de mídia mundial. Mas lembro que a campanha também será veiculada mundialmente por meio da internet”, diz. Para ele, o trabalho envolve uma estratégia de médio e longo prazo. “Você não coloca uma campanha no ar e no outro dia a pessoa está no Brasil, viajando. Por isso, a continuidade e o planejamento de mídia são fundamentais. E estamos planejados até junho de 2010. A expectativa é que a campanha contribua para gerar o desejo das pessoas virem para o Brasil”.


Peru - O ministro, Luiz Barretto e a ministra do Comércio Exterior e Turismo do Peru, Mercedes Aráoz, vão trabalhar um novo roteiro turístico na região Amazônica, ligando Manaus (AM) e Rio Branco (AC) com Cuzco, no Peru, para aproveitar a construção de uma estrada entre essas cidades. “Também queremos potencializar duas maravilhas do mundo, que são Machu Pichu e o Cristo Redentor. Temos aqui duas das sete maravilhas do mundo e as únicas da América Latina”, destacou o ministro do turismo brasileiro.


“Temos que aproveitar atributos que temos em comum, como as belezas naturais, os esportes radicais e os locais históricos”,afirmou Mercedes Aráoz.


Barretto lembra que os dois países têm três desafios a serem superados: vôos regionais, qualificação profissional e a implantação de cruzeiros fluviais pela Amazônia. “Precisamos ter uma linha aérea que ligue as três cidades (Manaus, Rio Branco e Cuzco). Atualmente temos 28 linhas semanais, mas todas saindo do Rio de Janeiro ou São Paulo”. E temos que nos qualificar também. Os brasileiros precisam falar espanhol e os peruanos tem que aprender o português”.


O Peru é um dos países prioritários para o turismo brasileiro, de acordo com o Plano Aquarela de marketing internacional. O número de peruanos que visita o Brasil aumentou quase 100% nos últimos anos, passando de 54 mil visitantes em 2006 para 100 mil em 2007.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República


Loading. Please wait...

Fotos popular