Pravda.ru

Sociedade » Mundo do Showbiz

Evanescence começou turnê no Brasil

23.04.2007
 
Evanescence começou turnê no Brasil

 A banda Evanescence contando com cantora e pianista Amy Lee e seus quatros companheiros no Evanescence – baterista Rocky Gray, os guitarrista John LeCompt e Terry Balsamo e o baixista Tim McCord – encantaram o público paulista no Parque Antártica, na noite do último sábado (21). Nem a chuva forte que caiu na capital paulista intimidou os fãs. Cerca de 27 mil pessoas estavam presentes.

Muito simpática, Amy até falou algumas frases palavras em português e foi ovacionada pela multidão. A roupa dela parecia que tinha sido feita com tecido do forro do caixão do Drácula. Ela usava saia roxa com um rabo, uma faixa na cintura, coturno, e ao fundo do seu palco tinha uma letra "E" estilizada gigante com arame farpado em volta. Amy Lee parece um personagem de quadrinhos, de pulp fiction, ficção barata, e seu estilo é o de uma soprano de uma ópera ruim.

A reação do público ao teatro do Evanescence é que é muito louca: eles vêm de longe; são meninas em sua maioria, vestem-se como a cantora, pintam o cabelo de preto-piche e algumas até usavam lentes de contato azuis para chegar perto da cor dos olhos dela. Ninguém parecido com aquela platéia do show do Keane, com seus jeans Armani com bordados prateados nos bolsos.

Muitas garotas passavam carregadas pelos bombeiros e paramédicos, depois de desmaiarem de emoção e do aperto. Conforme as músicas se sucediam, ficava claro que o nu-metal de Amy Lee é ultraconservador, feito de clichês do metal, acrescidos de um piano e uns gritos de filme de terror B aqui e ali para dar um climão (mais umas palavras de ordem de apelo quase religioso: Salvation! Sorrow! Darkness! Grave!).

Hits como My Immortal, Sweet Sacrifice, Haunted, Lithium, Bring me to Life, Going Under, entre outros fizeram parte do espetáculo, que durou pouco mais de uma hora.

As banda brasileira Luxúria e a uruguaia Silicon Fly abriram o show.

Neste domingo (22), o Evanescence se apresentou no Rio de Janeiro, no Riocentro.

Fatos

 Uma banda cover de Evanescence  ganha, em média, R$ 650 por show. Isso mal dá um milésimo do quanto a banda ganhou para vir ao Brasil, mas nem sempre foi assim: no começo da carreira em Little Rock, Arkansas, Amy e companhia tocavam de graça nos bares da cidade, quando muito ganhando um jantar como pagamento.

 Em tempo: Amy diz nunca ter visto um show de Evanescence cover. Os pais de Amy Lee colocaram o piano Hamilton em que ela aprendeu a tocar para leilão no  e Bay . A idéia era levantar uns trocados para uma instituição de caridade. Além do piano, que vinha autografado, o vencedor visitou a casa onde a vocalista cresceu, conheceu a moça e tirou uma porção de fotos. Menos de um ano depois, recolocou o piano para leilão no mesmo site e faturou 5 mil dólares.


Loading. Please wait...

Fotos popular