Pravda.ru

Sociedade » Incidentes

Wrestler americano mata mulher, filho e suicida-se

27.06.2007
 
Wrestler americano mata mulher, filho e suicida-se

Chris Benoit , 40 anos , sob efeito do que os americanos chamam de 'fúria dos anabolizantes' estrangulou a mulher, sufocou o filho de sete anos e colocou uma Bíblia junto dos corpos, antes de se enforcar na roldana de uma máquina de pesos.

Os investigadores encontraram esteróides anabolizantes na habitação e estão a investigar se o atleta, conhecido como «Canadian Crippler» («Mutilador Canadiano») estava perturbado devido às drogas, que podem causar paranóia, depressão e ataques de raiva.

As autoridades não encontram explicações para os homicídios e não quiseram falar sobre o estado psicológico de Benoit, que não deixou qualquer nota de suicídio.

Benoit, natural do Canadá, era uma das estrelas do circuito de wrestling WWE e era conhecido pela sua imagem de «homem de família». Quando ganhou o campeonato mundial de pesos pesados, em 2004, Benoit convidou a mulher e o filho para o ringue para celebrar.

Questionado nesse ano sobre qual o seu pior vício, Benoit respondeu que era passar tempo de qualidade com a família. Nancy Benoit pediu o divórcio em 2003, dizendo que o casamento de três anos estava irremediavelmente perdido e alegando estar sujeita a «tratamento cruel».

Mais tarde, desistiu da queixa, bem como de uma providência cautelar para impedir a aproximação do lutador de 1,75 metros e 100 quilos. Benoit ameaçou-a e partiu mobílias na casa que partilhavam.

A mulher foi morta sexta-feira e a criança no sábado ou domingo. As autoridades consideraram «bizarro» que o lutador tenha cometido os homicídios durante o fim de semana e tenha permanecido em casa com os corpos, pelo menos durante um dia.

Os esteróides têm sido associados à morte de vários lutadores de wrestling nos últimos anos, como Eddie Guerrero, Curt «Mr. Perfect» ou Davey Boy Smith, o «Buldogue Inglês».

 Fonte Diário Digital 


Loading. Please wait...

Fotos popular