Pravda.ru

Sociedade » Incidentes

Mulher é presa por torturar criança de 12 anos em Ponta Porã

14.05.2008
 
Mulher é presa por torturar criança de 12 anos em Ponta Porã

Na tarde de terça-feira (13), foi presa pela Polícia Civil de Ponta Porã (MS) uma mulher de 23 anos, acusada de tortura a uma criança de 12 anos. As duas são de nacionalidade paraguaia, têm parentesco distante e moravam juntas havia cerca de seis meses.

Segundo o delegado da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã, Mário Donizete Ferraz de Queiroz, a denúncia partiu do Conselho Tutelar do município. A criança, segundo a denúncia, era obrigada a realizar serviços domésticos e era impedida de estudar.

Exames de corpo de delito realizados na manhã desta quarta-feira apontaram que a criança tem lesões nas nádegas, marcas pontiagudas em diversas partes da perna, costa e braços --que podem sugerir picadas de um instrumento como uma faca--, hematomas e um ferimento no olho. Esse último pode sugerir que ela teria levado um soco recentemente.

Como os relatos de agressões dão conta que eles se estendiam a meses e a mulher estava com a criança em seu poder, o policial decidiu indiciá-la no 1º artigo da lei 9.455 de 7 de abril de 1997, que define os crimes de tortura.

De acordo com Queiroz, em depoimento, a mulher havia dito que é parente distante da criança e que a recebeu ainda no Paraguai para que fosse criada no Brasil. Segundo a denúncia a garota era obrigada a realizar serviços domésticos. A mulher disse em depoimento que meramente tentava educar a criança. Ela foi encaminhada para o presídio feminino da cidade, de acordo com a Folha Online.


Loading. Please wait...

Fotos popular