Pravda.ru

Sociedade » Curiosidades

Christie`s vendeu 50 gravuras de Goya por 1,2 milhões de euros

29.03.2007
 
Christie`s vendeu 50 gravuras de Goya por 1,2 milhões de euros

 O leilão da casa Christie`s, em Londres vendeu 50 gravuras de Goya pertencentes às famosas séries «A Tauromaquia» e «Os Desastres da Guerra» foram esta quarta-feira  vendidas ao melhor licitador por 1,2 milhões de euros.

«O leilão correu realmente bem. Foi impressionante», comentou uma porta-voz da Christie`s, sublinhando que os preços das obras do génio espanhol, algumas das quais pertencentes à colecção do banqueiro Franz Koening, encareceram muito.

O lote principal do leilão, dedicado à obra gráfica de grandes mestres, que consistia num conjunto de 10 raras e importantes provas de artista de «Os Desastres da Guerra», foi arrematado por quase 868.000 euros.

Esse valor ultrapassou em mais de duas vezes o preço máximo estimado pelos leiloeiros, que não divulgaram o nome do comprador.

A oferta no mesmo leilão dessas provas de artista de Francisco de Goya y Lucientes (1746-1828), todas em excelente estado de conservação, representa um «êxito sem precedentes nas últimas décadas», indicou a leiloeira londrina.

A sua raridade e importância residem no facto de Goya, apesar de ter trabalhado nessas séries durante mais de 10 anos (1810-1820), ter escondido as placas, com medo de que a publicação das imagens, que evocam a capacidade autodestrutiva da humanidade, desencadeassem represálias por parte das autoridades.

A falta de pormenores nessas obras, que mostram as crueldades cometidas pelos soldados napoleónicos na luta contra o povo espanhol que se opôs à ocupação francesa, reforça a ideia de que Goya não queria identificar os protagonistas da contenda.

Trinta e cinco anos depois da sua criação, as placas foram descobertas pelo filho do pintor, Javier, e reproduzidas pela Academia de Belas-Artes de San Fernando, de Madrid, em 1863.

Segundo a Christie`s, as gravuras foram impressas de acordo com o costume da época, isto é, com uma densa capa de tinta, o que contradizia as intenções originais do artista.

No entanto, enquanto trabalhava nas placas, Goya fez várias provas de impressão que constituem um documento fidedigno das pretensões do pintor aragonês.

Outras oito gravuras de «Os Desastres da Guerra» foram vendidas ao maior licitador por quase 106.000 euros.

Também brilharam no leilão 33 gravuras da primeira edição da série «A Tauromaquia», reflexo da paixão de Goya pelos touros, que foram rematadas por cerca de 212.000 euros.

A Christie`s já tinha vendido, em Dezembro passado, a obra «O Touro Mariposa», de Goya, adjudicada por 1,9 milhões de euros ao ministério da Cultura espanhol e que se tornou o desenho mais caro do artista.

 Fonte Portugal Diário


Loading. Please wait...

Fotos popular