Pravda.ru

Sociedade » Cultura

Ciclo de cinema cubano homenageia triunfo da Revolução

28.12.2019
 
Ciclo de cinema cubano homenageia triunfo da Revolução. 32376.jpeg

Ciclo de cinema cubano homenageia triunfo da Revolução

O Instituto de Arte e Indústria Cinematográficas - ICAIC associa-se às celebrações do 61.º aniversário do triunfo da Revolução cubana, organizando uma mostra de «filmes icónicos do processo revolucionário».

Imagem de 'La primera carga al machete', de Manuel Octavio Gómez Créditos/ kinoregina.fi

No âmbito das comemorações do 61.º aniversário do triunfo da Revolução, em 1 de Janeiro de 1959, o ICAIC está a projectar, nas salas do cinema Multicine Infanta, em Havana, materiais cinematográficos que se centram na luta de Cuba pela independência, na fase da luta revolucionária contra a ditadura de Batista, bem como na etapa imediatamente posterior ao triunfo da Revolução.

O ciclo teve início no passado dia 25, com a projecção do documentário Esta es mi alma, de Rigoberto López (1988), e da longa-metragem La primera carga del machete, realizada por Manuel Octavio Gómez (1968), e prolonga-se até 5 de Janeiro, segundo informam o diário Granma e a Prensa Latina.

A guerra da independência surge em destaque em propostas como La odisea del General José, de Jorge Fraga, Hombres de Mal Tiempo, de Alejandro Saderman (ambos de 1968), e Baraguá, de José Massip (1986), que se centram na gesta de José e Antonio Maceo em vários pontos da história cubana oitocentista.

Entre os filmes mais contemporâneos da mostra está o premiado Inocencia, de Alejandro Gil (2018), que aborda o fuzilamento de oito estudantes de Medicina, em 1871, durante o domínio colonial espanhol em Cuba.

Mais centradas no período da luta contra a tirania de Batista e na fase (imediatamente) posterior ao triunfo da Revolução, há filmes como Por qué nació el Ejército Rebelde, de José Massip (1960); Sobre un primer combate, de Octavio Cortázar; Cuba, pueblo armado, de Joris Ivens; e Escambray, de Santago Alvárez.

Também Camilo, de Fernando Pérez; Hasta la victoria siempre, de Santago Alvárez; Girón, de Manuel Herrera; e La guerra en Angola, de Miguel Fleitas, entre outros. A programação pode ser consultada na íntegra nos portais granma.cu e cubanow.cult.cu.

https://www.abrilabril.pt/internacional/ciclo-de-cinema-cubano-homenageia-triunfo-da-revolucao


Foto: Imagem de 'La primera carga al machete', de Manuel Octavio Gómez Créditos/ kinoregina.fi

 


Fotos popular