Pravda.ru

Sociedade » Cultura

Dia da Luta contra a AIDS marcado pelo Festival de Humor e vestido de preservativos

28.11.2006
 
Dia da Luta contra a AIDS marcado pelo Festival de Humor e vestido de preservativos

Dia 1º de dezembro foi o dia escolhido pela Assembléia Mundial da Saúde com o apoio da ONU, em outubro de 1987, para ser o Dia Mundial da Luta Contra a AIDS. Nesta data, organizações que trabalham no setor querem toda a população se lembre das lutas e das batalhas contra essa epidemia que surgiu no planeta há mais de 20 anos.

Na semana de 24 de novembro a 1º de dezembro conceituadas lojas irão participar deste projeto e enfeitarão suas vitrines com o símbolo mundial da campanha: o laço vermelho. Também será criada uma camiseta com o lema “A moda na luta contra o HIV – Eu visto essa causa”, pelos estilistas participantes da campanha que será comercializada com a renda arrecadada revertida integralmente para as instituições “Sociedade Viva Cazuza” e “Casa Maria de Magdala”.

Dia Mundial da Luta contra a Aids deste ano será marcado pela projeção internacional do I Festival Internacional de Humor em DST e Aids, já em cartaz em três espaços nobres de Nova Iorque, que chega no dia 1º/12 à Organização das Nações Unidas (ONU) e inicia turnê européia em Genebra (Suíça).

Do dia 1º de Dezembro, a “Drawing it Out: 1st. International HIV/Aids Cartoon Exhibition” – nome recebido para a turnê estrangeira – estará em cartaz no edifício sede da ONU, espaço visitado por autoridades e turistas de todo o mundo.

Os trabalhos do festival, promovido pelo Programa Nacional de DST e Aids/Ministério da Saúde e pelo Instituto do Memorial de Artes Gráficas do Brasil (Imag), estão divididos em três categorias – prevenção, tratamento e direitos humanos – e foram exibidos pela primeira vez em agosto de 2004, em Brasília (Brasil). Em novembro do mesmo ano, a mostra ganhou nova dimensão com uma curadoria que investiu em mídias e formatos diferenciados, numa iniciativa do Centro Cultural da Saúde (CCS)/RJ, da Coordenação-Geral de Documentação e Informação (CGDI).

Criatividade induz à reflexão - Além México, Estados Unidos e Suíça, várias cidades brasileiras também já receberam a mostra que, por meio de um mosaico cultural que permite ao público uma abordagem criativa sobre a saúde pela ótica do humor e da arte, estimula uma reflexão sobre o tema HIV/Aids.

A exposição completa é composta por 300 cartuns criados por artistas gráficos de 50 países, incluindo Afeganistão, África do Sul, Áustria, Bélgica, Brasil, Chile, China, Coréia do Sul, Croácia, Cuba, Espanha, Estados Unidos, França, Holanda, Índia, Israel, México, Peru, Romênia, Rússia, Sérvia/Montenegro, Turquia, Ucrânia e Uruguai.

Para commemorar este dia Kanokkorn Kobhiran do Tailândia fez um vestido de 2500 preservativos.

Com agências


Loading. Please wait...

Fotos popular