Pravda.ru

Sociedade » Cultura

Trabalho livre, trabalho escravo Brasil e Europa, séculos XVIII e XIX

26.10.2008
 
Trabalho livre, trabalho escravo Brasil e Europa, séculos XVIII e XIX

Este livro agrega estudos sobre o trabalho livre e o trabalho escravo numa perspectiva comparativa. Reúne vários estudiosos no Brasil, na Europa e nos EUA de temas relacionados ao trabalho, à sociedade livre e à sociedade escravista.

Sua importância específica encontra-se no estabelecimento de um diálogo entre dois discursos antes distintos, visando contribuir para afinar a sensibilidade dos estudiosos do trabalho livre e da escravidão com relação às linguagens culturalmente mistas do trabalho.

Fica cada vez mais claro que a história dos escravos do Novo Mundo e a dos trabalhadores europeus estão "emaranhadas", não apenas por meio das redes internacionais de comércio, mas também, a distinção entre trabalho "livre" e trabalho "não livre" foi, em grande parte, construída em função dos debates abolicionistas do início do século XIX. A comparação proposta aqui, no entanto, é significativamente distinta, pois aponta para o desenvolvimento de uma História do Trabalho verdadeiramente "global", resgatando-nos, assim, do provincianismo do contingente e da tirania do singular. É a comparação da sociedade escravista por excelência com a sociedade do trabalho livre 

 Douglas Cole Libby ,
Júnia Ferreira Furtado
Annablume


Loading. Please wait...

Fotos popular