Pravda.ru

Sociedade » Cultura

Regina Guimarães e Saguenail no TCSB, para a sessão de Maio do Clube de Leitura

21.05.2019
 
Regina Guimarães e Saguenail no TCSB, para a sessão de Maio do Clube de Leitura. 31024.jpeg

Regina Guimarães e Saguenail no TCSB, para a sessão de Maio do Clube de Leitura

A sessão mensal do Clube de Leitura Teatral, desta vez com Regina Guimarães e Saguenail, e a oficina Dança para Pais e Filhos, nos Sábados para a Infância, são os destaques da semana na programação do Teatro da Cerca de São Bernardo, em Coimbra. Na quinta-feira, o Bar/Livraria do Teatro acolhe ainda o debate "De mãos dadas com a/s diferença/s: conversas interseccionais", organizado pela PATH e pela não te prives.

 

Clube de Leitura Teatral

A sessão de Maio do Clube de Leitura Teatral acontece no Teatro da Cerca de São Bernardo e é dirigida por Regina Guimarães e Saguenail, que propõem como matéria de trabalho a terceira e última cena-peça de "Curto-Circuito" (escrita e apresentada em 2006, imediatamente antes da ocupação do Teatro Rivoli, no Porto) e uma peça de 2015, que nunca foi dada a ler: "Os limbos".

"Curto-Circuito" tem lugar "na escuridão de uma sala de teatro": quando "se aguarda o início de uma representação, um espectador irado vem perturbar a sucessão ritualizada de comportamentos", adiantam os autores. Na peça inédita "Os Limbos", quatro personagens "contracenam com os seus próprios fantasmas, entregando-se a um jogo de vida e de morte".

Regina Guimarães é escritora - poeta, dramaturga, ensaísta -, tradutora, dramaturgista, realizadora, argumentista, formadora, com vastíssima obra realizada e publicada: meia centena de livros, mais de 40 peças de teatro, dezenas de traduções e de filmes. Mantém uma forte ligação ao teatro, em particular com companhias e projectos do norte do país - trabalhou com Companhia de Teatro de Braga, Teatro Nacional São João, Academia Contemporânea do Espectáculo, Balleteatro, Teatro de Marionetas do Porto, Teatro Só, Teatro Bruto, Teatro Plástico, Teatro de Ferro, Teatro do Frio, Ao Cabo Teatro, Comédias do Minho, Pele, Teatro Nómada, entre outros.

Saguenail é realizador de cinema e escritor, com mais de uma dezena de peças de teatro escritas, quase todas em parceria com Regina Guimarães, com quem vive e trabalha desde 1975. Ainda no Teatro, encenou peças no TEP, na Companhia de Teatro de Braga e no Teatro do Belomonte e desenhou a iluminação de vários espectáculos da Companhia de Teatro de Braga.

O Clube de Leitura Teatral é uma iniciativa conjunta do TAGV e d'A Escola da Noite, que visa estimular o gosto pelo texto dramático e é aberta à participação de qualquer pessoa. As sessões realizam-se mensalmente, de forma alternada entre os dois espaços. Desde 2017, são dedicadas ao trabalho de dramaturgos/as portugueses/as contemporâneos/as, que dirigem as leituras das suas próprias obras.

A leitura desta semana, que contará com a participação de mais de uma dezena de leitores/as, terá lugar na terça-feira, dia 14 de Maio, pelas 18h30. Como sempre, a entrada é gratuita.

 

Leonor Barata nos Sábados para a Infância

Nos Sábados para a Infância, cabe esta semana a Leonor Barata dirigir uma nova sessão da oficina "Dança para Pais e Filhos", pensada para adultos e crianças dos 18 meses aos 4 anos. Ao longo de uma hora, a bailarina e coreógrafa propõe jogos corporais e pequenas "acrobacias" em que "os grandes" servem de apoio e suporte para as brincadeiras dos mais pequenos. "Saindo por instantes do quotidiano vertical" - adianta Leonor Barata -, uns e outros "inventam juntos as danças que quiserem".

Licenciada em Filosofia e pós-graduada em Estudos Artísticos pela Universidade de Coimbra, Leonor Barata fez a sua formação em dança no Forum Dança, onde foi aluna de Howard Sonnenclair, Francisco Camacho, Madalena Vitorino, André Lepecki e Thierry Bae, entre outros. Foi intérprete em vários espectáculos de dança e de teatro. Desde 2000 desenvolve grande parte do seu trabalho na área da Pedagogia Artística tendo sido colaboradora regular de várias instituições como formadora (Centro Cultural de Belém, CENTA, A Moagem, Centro Cultural Vila Flor) e tendo criado vários espectáculos para o público jovem: "A Menina do Mar" (2004), "Pretas e Vermelhas Penduradas nas Orelhas" (2007) ou "Ver a Odisseia para chegar a Ítaca" (2016), entre outros. É directora da companhia Projecto D - Pedagogia e Criação Artísticas.

Esta edição da oficina está marcada para dia 18 de Maio, sábado, às 11h00. As inscrições custam 10 Euros (adulto + criança) e é aconselhável efectuar inscrição prévia através dos contactos habituais do TCSB: 239 718 238 / 966 302 488 / geral@aescoladanoite.pt.

 

De mãos dadas com a/s diferença/s: conversa em véspera de marcha

Na quinta-feira, 16 de Maio, véspera da Marcha Anto-Transfobia e Homofobia, o Bar/Livraria do TCSB acolhe ainda um debate organizado pela associação não te prives - Grupo de Defesa dos Direitos Sexuais e pela PATH - Plataforma Anti-Transfobia e Homofobia. Sob o título "De mãos dadas com a/as diferença/as: conversas interseccionais", a organização coloca à discussão o grau de inclusão das lutas das pessoas queer e das lutas feministas: "Será que para defender os direitos das mulheres, ou a diversidade sexual, temos de comparar-nos com um outro que é mais machista, mais homofóbico, mais fundamentalista? Será que pessoas negras, ciganas, com diversidades funcionais, mais velhas, de contextos não urbanos, com determinada fé, estão representadas ou são tidas em conta quando falamos sobre liberdade sexual, igualdade de género, ou de direitos pela diversidade?" - pergunta-se no texto de apresentação do debate.

A iniciativa tem entrada gratuita, começa às 17h30 e terá como oradoras Alesa Herero (INMUNE - Instituto da Mulher Negra em Portugal), Júlia Mendes Pereira (API - Ação Pela Identidade) e Mara Pieri (doutoranda em Direitos Humanos).

 

Coimbra, Teatro da Cerca de São Bernardo

Programação de 13 a 19 de maio de 2019

 


Loading. Please wait...

Fotos popular