Pravda.ru

Sociedade » Cultura

Take The Wind lança projecto inovador para o ensino das ciências da saúde

19.12.2010
 

A empresa de conteúdos científicos Take the Wind, sedeada na Incubadora de Empresas do Instituto Pedro Nunes, acaba de lançar um projecto inovador de e-learning, denominado BEON (Bio Elements On) Diabetes, no âmbito de uma parceria realizada com a Universidade de Coimbra e a Sociedade Portuguesa de Bioquímica.

Segundo a Organização Mundial de Saúde, a Diabetes é um grave problema de saúde pública, que afecta 246 milhões de pessoas em todo o mundo.

O ensino tradicional da Diabetes é ainda baseado em conhecimentos teóricos oriundos de livros científicos contendo diagramas e figuras bidimensionais que, no entanto, ilustram fenómenos tridimensionais que se modificam continuamente. O ensino da relação contínua entre a estrutura e função exige, assim, uma capacidade de abstracção e pensamento intuitivo difícil de transmitir e, muitas vezes, ausente nos alunos universitários da área das Ciências da Vida e nos Profissionais de Saúde.

O projecto BEON Diabetes visa dar resposta a esta necessidade. Baseia-se num conceito inovador e paradigmático no ensino das ciências da saúde, sendo uma união entre o conhecimento científico mais actual e uma nova forma de comunicação e aprendizagem, baseada no dinamismo, na interactividade e na clareza permitida pelo recurso a infografias e tecnologia multimédia 3D.

Explorar o BEON Diabetes leva o utilizador a percorrer uma variedade de opções e a compreender, de forma intuitiva e integrada, a doença nas suas vertentes molecular, celular e fisiológica/fisiopatológica.

"Este projecto conjunto representa para a Sociedade Portuguesa de Bioquímica (SPB) a divulgação de conhecimento científico válido e actualizado para além dos muros das universidades, a alunos e professores, profissionais de saúde e todos aqueles que se interessam por diabetes e regulação de glicemia", destaca Miguel Castanho, presidente da SPB.

Francisco Ambrósio, Investigador da Universidade de Coimbra salienta que "esta ferramenta tem como princípio básico um elevado rigor científico. Além de ser uma ferramenta de ensino e de estudo que, num futuro próximo, será considerada indispensável nas instituições de ensino superior, quer para docentes quer para estudantes, também poderá ser utilizada como um veículo de divulgação científica, e por que não dizê-lo também, um instrumento de lazer, para todos aqueles que queiram melhorar os seus conhecimentos sobre a diabetes".

A primeira fase de internacionalização do produto será no Reino Unido e no Brasil, no 1º trimestre de 2011, mas a Take The Wind planeia consolidar o projecto em mais 5 países no prazo de 18 meses. O produto tem uma versão gratuita por um período 30 dias disponível em http://www.beon.biomedicalmovies.com/

Cristina Pinto

FCTUC

 


Loading. Please wait...

Fotos popular