Pravda.ru

Sociedade » Cultura

Triunfo do filme brasileiro em Berlim

18.02.2008
 
Triunfo do filme brasileiro em Berlim

Para  surpresa  de todos terminou o Festival cinematográfico em Berlim.   Não sendo uma favorita, a longa-mentarem brasileira,  Tropa de Elite,   conquistou o Urso de Ouro – o prêmio principal do evento.

 
Ao subir ao palco, o diretor José Padilha cumprimentou um por um os seis jurados e, com o Urso de Ouro nas mãos, aproximou-se do microfone e disse: "Muito obrigado! Thank you! Danke! (obrigado em alemão). Em todas as línguas, é muito difícil explicar o que estou sentindo agora. Costa-Gavras é uma espécie de herói para todos os cineastas latino-americanos".

 A sessão para a imprensa de Tropa de Elite no festival, que ocorreu no último dia 10, foi caótica, devido ao sumiço da cópia com legendas
em inglês.

A
versão exibida aos repórteres e críticos tinha legendas em alemão, e os jornalistas que não dominavam nem esse idioma nem o português tiveram de usar fones de ouvido com tradução simultânea.

Ainda em seu agradecimento, Padilha citou o ator Wagner Moura, que veio a Berlim para a estréia do filme no festival, mas hoje não estava na premiação, porque já havia voltado ao Brasil; a atriz Maria Ribeiro, que permaneceu em Berlim e o ouvia na platéia; o fotógrafo Lula Carvalho, os produtores e patrocinadores do filme.

Sócio de Padilha e produtor do filme, Marcos Prado também agradeceu o prêmio, dizendo que Padilha fez "o melhor filme do mundo sobre a corrupção da polícia". Prado citou o sucesso que Tropa de Elite obteve no Brasil - foi o líder de bilheteria nacional de 2007, com 2,4 milhões de espectadores - e disse que o filme representa "uma realidade para os brasileiros".

O Festival de Berlim premiou como melhor diretor o norte-americano Paul Thomas Anderson, por Sangue Negro, que recebeu ainda um prêmio pela trilha sonora, de Jonny Greenwood.

O Prêmio Especial do Júri foi para o documentário Standard Operating Procedure (operação padrão), de Errol Morris, sobre os abusos aos direitos humanos na prisão de Abu Ghraib, no Iraque; o melhor ator foi o iraniano Reza Najie, por Avaze Gonjeshk-ha (o canto dos pardais); a melhor atriz, a britânica Sally Hawkins (Happy-Go-Lucky); o melhor roteiro foi para o chinês Wang Xiaoshuai, por Zuo You (acreditamos no amor), que ele também dirige.

O mexicano Fernando Eimbcke recebeu o prêmio Alfred Bauer, para produções que inovam a linguagem cinematográfica, por seu Lake Tahoe.

Esta foi a segunda vez que um filme brasileiro recebeu o Urso de Ouro. O primeiro longa a conseguir esse prêmio foi "Central do Brasil", de Walter Salles, em 1998.



 


Loading. Please wait...

Fotos popular