Pravda.ru

Sociedade » Cultura

Inscrição para Olimpíadas de Português começa dia 19

10.02.2008
 
Inscrição para Olimpíadas de Português começa dia 19

As inscrições para a primeira edição da Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro serão abertas no dia 19 de fevereiro e encerradas em 14 de abril. Cerca de seis milhões de estudantes de escolas públicas deverão reforçar os estudos e participar da competição, que envolverá atividades escolares, estaduais, regionais e uma etapa nacional.

 A olimpíada investirá na formação de professores a fim de melhorar os processos de ensino e aprendizado de leitura e escrita nas salas de aula.


Materiais didáticos - Serão aplicados R$ 15 milhões em produção de diferentes materiais didáticos, realização de oficinas de leitura e campanha de divulgação. Também haverá recursos para transporte e hospedagem de alunos, professores e equipe de formação. O dinheiro resulta da parceria entre o Ministério da Educação, Fundação Itaú Social, União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec).


Poderão participar professores e alunos da 4ª e 5ª séries (5º e 6º anos), de 7ª e 8ª séries (8º e 9º anos) do ensino fundamental e também de 2º e 3º anos do ensino médio, todos de escolas públicas. A expectativa da Secretaria de Educação Básica (SEB/MEC) é alcançar 73.118 escolas, 200 mil professores e cerca de seis milhões de estudantes em 4.450 municípios.


Tema da Olímpíada será “o lugar onde vivo” - “O lugar onde vivo” será o tema central da olimpíada, desenvolvido em três gêneros textuais: poesia, memória e artigo de opinião. Para ajudar os alunos a se preparar, os professores receberão um Caderno de Orientação do Professor, com idéias para discutir a temática em sala de aula.


Haverá seleção de textos, nas escolas, municípios e nos estados, além das escolhas regionais, quando serão definidos 500 semifinalistas. Os estudantes e professores selecionados para a semifinal participarão das atividades de formação nas cidades-pólo – oficinas de leitura e escrita para os alunos e formação presencial para os professores. Além disso, os semifinalistas participarão de atividades culturais na cidade-pólo, onde também ocorrerá a cerimônia de premiação.


A última etapa será o encontro nacional para 150 finalistas, em Brasília, onde também haverá atividades culturais e cerimônia de premiação. Destes 150, serão escolhidos 15 estudantes e professores. Os 500 alunos e professores semifinalistas receberão medalhas de bronze e coleção de livros. Os 150 finalistas ganharão medalhas de prata e micro-systems. Os 15 classificados na etapa nacional receberão medalhas de ouro, computadores e impressores. As escolas onde estudam os 15 selecionados também ganharão prêmios: laboratório de informática com dez micro-computadores e uma impressora, além de livros para a biblioteca, e os municípios de onde vêm os campeões receberão selo concedido pelo MEC.


As cidades-pólo são Belo Horizonte (para semifinalistas de Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro); São Paulo (apenas para alunos e professores do estado de São Paulo); Curitiba (para alunos e professores da região Sul); Goiânia (Centro-Oeste) e Belém (todos os participantes selecionados da região Norte). Os alunos e professores do Nordeste participarão de atividades em duas cidades-pólo: Fortaleza (para os semifinalistas dos estados de Maranhão, Ceará, Piauí e Rio Grande do Norte) e Recife (para os de Alagoas, Bahia, Pernambuco, Paraíba e Sergipe).


A Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro será oficialmente lançada em 19 de fevereiro, no Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo, quando serão divulgados o cronograma e detalhes do processo de inscrição. Haverá também lançamentos regionais em todas as cidades


Loading. Please wait...

Fotos popular