Pravda.ru

Sociedade » Cultura

Leonor Barata dança com pais e filhos na Cerca de São Bernardo

10.01.2017
 
Leonor Barata dança com pais e filhos na Cerca de São Bernardo. 25800.jpeg

Leonor Barata dança com pais e filhos na Cerca de São Bernardo

Na semana em que A Escola da Noite retoma em Bragança a digressão nacional do espectáculo "Embarcação do Inferno", o TCSB prossegue com a sua programação, esta semana particularmente dirigida aos mais novos. A oficina "Dança para pais e filhos", com Leonor Barata, destina-se a crianças entre os 18 meses e os 4 anos e é o principal destaque dos próximos dias.

A bailarina e coreógrafa Leonor Barata é uma das parceiras habituais nos Sábados para a infância no TCSB. A sua criatividade e o seu profissionalismo têm contribuído de forma muito significativa para o crescimento e para o sucesso deste projecto, que A Escola da Noite dinamiza desde 2015.
Entre outras iniciativas, a bailarina e coreógrafa já realizou no Teatro várias edições da oficina de dança criativa, apresentou "E depois do cinzento" e estreou "Ver a Odisseia para chegar a Ítaca".
Para A Escola da Noite, é um privilégio poder continuar a contar com a sua colaboração. Entre Janeiro e Março de 2017, ela está de volta às manhãs de Sábado, com a oficina "Dança para pais e filhos", que em 2016 esgotou praticamente todas as suas edições. Ao longo de uma hora, com a ajuda dos pais, os mais pequenos experimentam como usar o corpo para dar largas à sua imaginação: os grandes servem de apoio e suporte para as acrobacias dos pequenos, que podem rebolar, rodopiar e inventar as danças que quiserem.
Há três sessões marcadas para o primeiro trimestre do ano e a primeira acontece já no próximo Sábado, 14 de Janeiro, pelas 11h00. A inscrição (adulto+criança) custa 10 Euros e pode ser feita pelos contactos habituais do Teatro: 239 718 238 / 966 302 488 / geral@aescoladanoite.pt.

Clube de Leitura Teatral no TAGV
Como habitualmente, a primeira terça-feira do mês é dia de leitura pelo "Clube de Leitura Teatral", uma iniciativa conjunta do Teatro Académico de Gil Vicente e d'A Escola da Noite. Amanhã, terça-feira, pelas 18h30, terá lugar a primeira sessão de 2017. Dirigida por Mickaël de Oliveira, tem como matéria de trabalho quatro textos da sua autoria, que integram uma tetralogia "dedicada à reflexão em torno de questões políticas": "No(s) Revolution(s)" (2015), "A Constituição" (2016), "A Sauna" (2017) e "Sócrates tem de morrer - Parte I e II" (2017-18). A escolha dos textos e do responsável por esta sessão do Clube de Leitura está directamente associada à programação do TAGV, que acolhe a 12 e 13 de Janeiro a estreia absoluta de "Sócrates tem de morrer - Parte I", numa produção do grupo Colectivo 84. Quatro dos cinco actores que integram o elenco do espectáculo - Ana Bustorff, Paulo Pinto, Pedro Lacerda e Maria Leite - participam como actores convidados na leitura do Clube, que acontecerá no Café-Teatro do TAGV, com entrada livre. As inscrições para participar na leitura são gratuitas e podem ser feitas através do e-mail clube.leitura.teatral@gmail.com.

Filosofia para crianças
Também no Sábado, mas às 15h00, Celeste Silva dirige a terceira sessão do projecto "Filosofia para Crianças". A iniciativa está a decorrer ao longo do presente ano lectivo, com duas sessões mensais, e faz parte de um trabalho no âmbito do Mestrado em Filosofia para Crianças da Universidade dos Açores. As crianças entre os 8 e os 12 anos (e os pais que o desejarem) são convidadas a fazer parte de uma "comunidade de investigação filosófica". Em cada sessão, os participantes trocam argumentos a partir de temas e questões suscitadas pela dinamizadora. Inspirada pelos trabalhos dos filósofos norte-americanos Matthew Lipman e Ann Sharp, a oficina pretende ajudar os mais novos a "desenvolver um pensamento multidimensional, combinando diferentes dimensões do pensamento (crítica, criativa e valorativa) e tornando-se mais competentes para bem pensar, bem dizer e bem agir". A inscrição é gratuita.

"Embarcação do Inferno" em Bragança
Ao longo da semana, A Escola da Noite e o Centro Dramático de Évora estarão em Bragança com o seu mais recente espectáculo. "Embarcação do Inferno", de Gil Vicente, será apresentado no Teatro Municipal nos dias 12 e 13 de Janeiro, em duas sessões especiais para o público escolar e numa sessão para o público em geral. À semelhança do que aconteceu em Évora e em Coimbra e do que acontecerá nas principais cidades que vão receber o espectáculo, a temporada inclui ainda uma oficina para professores (11 a 14 de Janeiro) e a conferência "Gil Vicente no seu tempo e no nosso tempo", pelo professor José Augusto Cardoso Bernardes (10 de Janeiro, terça-feira, pelas 18h00, com entrada gratuita).
"Embarcação do Inferno" estreou no passado mês de Outubro e assinala os 500 anos da primeira apresentação e da primeira edição do mais conhecido texto de Gil Vicente, também conhecido como "Auto da Barca do Inferno". Elogiada pela crítica e pelo público, a co-produção entre A Escola da Noite e o Cendrev conta já com mais de 50 apresentações e com cerca de quatro mil espectadores. Ao longo do ano de 2017 vai passar por algumas das principais cidades e salas do país. Logo a seguir a Bragança, rumará a Aveiro e a Viana do Castelo.

Coimbra, Teatro da Cerca de São Bernardo

Pedro Rodrigues

 


Loading. Please wait...

Fotos popular