Pravda.ru

Sociedade » Cultura

A Prostituição e a Lisboa Boémia do século XIX e inícios do século XX

07.07.2008
 
A Prostituição e a Lisboa Boémia do século XIX e inícios do século XX

Obra do sociólogo José Machado Pais reeditada 20 anos depois do seu lançamento Fadistas, marialvas, marinheiros, prostitutas e proxenetas da Lisboa oitocentista  ‘A prostituição e a Lisboa Boémia do século XIX e inícios do século XX’ é um retrato do tecido social da época e dos grupos que se relacionam com o fenómeno da prostituição.

Em meados do século XIX, as modas parisienses invadem as montras da capital portuguesa e as senhoras burguesas começam a circular pelo Chiado e pelo Passeio Público, ocupando o espaço público até aí território das mulheres públicas e prostitutas. Os legisladores da época optam então por regulamentar a prostituição, acantonando estas mulheres em bairros boémios da capital. Nestas margens culturais, convivem de forma espontânea vários tipos sociais com um traço comum: o fado e a boémia.

Esgotada há vários, a obra ‘A Prostituição e a Lisboa Boémia do século XIX e inícios do século XX’’ de José Machado Pais, sociólogo e investigador do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa (ICS-UL), regressa aos escaparates vinte anos depois do seu lançamento pela mão da editora Âmbar. Neste livro, o autor propõe-se a traçar um retrato completo do fenómeno da prostituição e da Lisboa boémia do século XIX e início do século XX e das suas múltiplas ligações à decadente camada aristocrática do oitocentismo português.

Através de uma informação documental vasta e minuciosa – que inclui um elaborado glossário de termos e expressões usadas na gíria da Lisboa boémia – José Machado Pais descreve o tecido social da época e os grupos que se relacionam com o fenómeno da prostituição: os fadistas, os marialvas, os proxenetas, os vagabundos, os marujos, todos eles com hábitos e práticas de conduta muito próprias.

Licenciado em Economia e pós-graduado e doutorado em Sociologia, José Machado Pais é investigador do ICS e professor do Instituto de Ciências do Trabalho e da Empresa desde 1978. Possui uma vasta obra literária de áreas como a sociologia da vida quotidiana, sociologia da cultura, sociologia da juventude, sociologia histórica e metodologias de investigação sociológica.

Fonte: IMAGO


Loading. Please wait...

Fotos popular