Pravda.ru

Sociedade » Cultura

A Escola da Noite prepara nova estreia: Tchekov

02.03.2007
 
A Escola da Noite prepara nova estreia: Tchekov


A Escola da Noite vai estrear no próximo dia 15 de Março a sua 40ª produção — o espectáculo "Tchékhov e a arte menor", construído a partir do universo das peças em um acto do dramaturgo russo.

A Escola da Noite vai estrear no próximo dia 15 de Março a sua 40ª produção — o espectáculo "Tchékhov e a arte menor", construído a partir do universo das peças em um acto do dramaturgo russo.

Depois de ter apresentado "O Cerejal" em 2004, a companhia regressa, no ano em que assinala o seu décimo-quinto aniversário, à obra de um dos mais conceituados autores da dramaturgia universal, cujas peças foram encenadas pelos maiores encenadores mundiais ao longo do último século.


Assumido como uma espécie de provocação, o título do espectáculo destaca a frequente (e, na óptica d'A Escola da Noite, injusta) desvalorização do conjunto das "pequenas peças" de Tchékhov, quando comparadas com o conjunto das suas obras de referência — onde se incluem, para além de "O Cerejal", "A Gaivota", "As Três Irmãs" ou "O Tio Vânia".


Pelo contrário, a companhia encontra nestas peças em um acto, apresentadas em novas traduções feitas a partir do russo, por António Pescada, mecanismos de grande precisão, capazes de oferecer ao espectador o essencial da obra de Tchékhov: uma extraordinária conjugação entre a interioridade das personagens (marcadas, muitas vezes, por profundas tragédias pessoais) e uma aparente linearidade da acção dramática, composta pela banalidade (ou até a frivolidade) das situações representadas.


Qualificadas (quase todas) como farsas pelo autor, estas pequenas peças são comédias no sentido mais clássico e teatral do termo, nas quais o burlesco e o caricato mais extravagante são utilizados com uma singular mestria. A par do humor franco que elas despoletam (e por causa dele), as peças em um acto de Tchékhov proporcionam-nos, no entanto, diferentes níveis de leitura, revelando-nos as enfermidades de uma sociedade em estado de crise e de transformação acelerada, na qual a explosão se pode dar com extrema rapidez.


À encenação, dramaturgia e espaço cénico de António Augusto Barros para este “Tchékhov e a arte menor”, juntam-se os figurinos de Ana Rosa Assunção, os objectos e adereços de António Jorge e as luzes de Danilo Pinto e Sílvia Brito. Do elenco fazem parte António Jorge, Maria João Robalo, Sílvia Brito e Sofia Lobo a quem se juntam, numa primeira colaboração com a companhia os actores Miguel Magalhães e Pessoa Júnior.


De 15 de Março a 14 de Abril, de terça a sábado, sempre às 21,30h, na Oficina Municipal do teatro, em Coimbra.
Faça-nos companhia!
Isabel Campante
A Escola da Noite
Coimbra, 2 de Março de 2007.

--

A Escola da Noite - Grupo de Teatro de Coimbra

Rua Pedro Nunes, Oficina Municipal do Teatro

Quinta da Nora

3030-199 COIMBRA

tel. +351.239.718238

fax +351.239.705367

http://www.aescoladanoite.pt


Loading. Please wait...

Fotos popular