Pravda.ru

Ciência

Obesidade de amigo contagia

26.07.2007
 
Obesidade de amigo contagia

Ser amigo ou amiga de uma pessoa obesa aumenta em até 57% o risco de ficar obeso (a) também, indica um estudo publicado nesta quinta-feira pelo New England Journal of Medicine .

Investigadores da Harvard Medical School e da Universidade da Califórnia dizem que a obesidade não é um assunto particular e que, "quando um indivíduo ganha peso, é provável que 'contagie' amigos, esposos e familiares. A distância não conta e o fenómeno de contágio não ocorre porque se adoptam os mesmos estilos de vida, como a falta de exercício ou a partilha de refeições ultra-calóricas. Afinal, o indivíduo que engordou, leva outros a desculpabilizar eventuais aumentos de peso e a mudar de ideia em relação ao que é ter peso em excesso .

O estudo analisou dados de uma pesquisa relacionada a doenças do coração, coletados ao longo de muitos  anos. O estudo, que analisou 12067 indivíduos e dados desde 1971, concluiu que o risco entre amigos é aumentado em 57%, entre irmãos desce a 40% e entre casais fixa-se em 37%. Se forem do mesmo sexo, o risco é ainda mais agravado: 71% entre amigos, 67% entre irmãs e 44% entre irmãos. |

O estudo foi alvo de críticas de outros pesquisadores, para quem a influência da convivência com obesos sobre a percepção do próprio peso seria pura especulação. "Ainda não é possível dizer o que está realmente provocando essa relação [entre obesos e suas companhias]", disse à reportagem o professor Andrew Hill, da Universidade de Leeds.


Loading. Please wait...

Fotos popular