Pravda.ru

Ciência

Experiências à beira da morte: O que realmente acontece?

15.09.2008
 
Experiências à beira da morte: O que realmente acontece?

Muitas das pessoas que passam por experiências próximas da morte relatam coisas similares: uma luz branca acolhedora e o “filme” de memórias de coisas que viveu. Mas agora cientistas querem estudar o que realmente acontece ao cérebro e à consciência quando alguém está à beira da morte.

Em um novo estudo chamado AWARE - AWAreness during REsuscitation (Consciência durante a ressuscitação, em tradução livre), médicos irão examinar os pacientes em hospitais na Europa e América do Norte, que chegaram ao estado conhecido como parada cardíaca.

“Ao contrário da percepção popular a morte não é um momento específico”, disse o Dr. Sam Parnia, o coordenador do estudo da Universidade de Southampton, no Reino Unido. “É o processo que começa quando o coração pára de bater, os pulmões param de trabalhar e o cérebro cessa seu funcionamento – uma condição médica chamada parada cardíaca, que do ponto de vista biológico é sinônimo de morte clínica.”

“Durante a parada cardíaca todos os três critérios da morte estão presentes”, disse Sam. “Então segue um período de tempo, que pode durar entre poucos segundos até uma hora ou mais, no qual esforços médicos emergenciais podem ter sucesso em reiniciar o coração e reverter o processo da morte. O que as pessoas experimentam durante este período da parada cardíaca fornece uma janela única para entender o que nós todos tendemos a experimentar durante o processo da morte.”

Estudos anteriores sugerem que 10 a 20% das pessoas que sobrevivem a uma parada cardíaca reportam processos lúcidos, bem estruturados, com presença do raciocínio, memórias e algumas vezes a recordação de eventos durante seu encontro com a morte.

Um estudo descobriu que as pessoas que reportavam sentimentos tranqüilos, luz forte e experiências fora do corpo, durante seu flerte com a morte, têm mais chance de haver mostrado dificuldade para separar o sono com a vigília em seu cotidiano. Tanto antes quanto depois das suas experiências de quase morte estas pessoas freqüentemente têm sintomas de movimentos rápidos dos olhos, REM (um evento que ocorre em todos nós em uma fase do sono), enquanto estão acordadas.

Os pesquisadores do estudo AWARE querem descobrir o que acontece ao cérebro quando o corpo começa a desligar, se é possível para as pessoas verem e ouvirem durante a parada cardíaca e o que ocorre durante as experiências fora do corpo.

Um estudo anterior sobre as pessoas que reportaram assistir suas próprias reanimações no hospital, em um estado de experiência fora do corpo, perguntou para os pacientes se durante a experiência eles conseguiram ver uma placa com números que ficava sobre um armário. Quando perguntado qual número havia escrito nela, ninguém acertou.

O lançamento da pesquisa AWARE foi anunciado no simpósio internacional das Nações Unidas em 11 de setembro. [LiveScience, ScienceDaily]

 Fonte: http://hypescience.com/


Loading. Please wait...

Fotos popular