Pravda.ru

Ciência

Russos completam voo simulado a Marte

14.07.2009
 
Russos completam voo simulado a Marte

Experiência de 105 dias em Moscovo, simulando uma viagem a Marte, termina hoje no Instituto para Assuntos Médicos e Biológicos. Os cientistas entenderão melhor questões relacionados com longos voos no espaço.

A experiência se chama Mars-500 e envolveu quatro russos, um francês e um alemão e foi lançada para estudar os efeitos de longos voos no espaço, visando simular as condições que vão ser sentidas na viagemm a Marte, que leva um ano e meio, ida e volta.

A experiência incluiu simulações de situações não programadas de emergência e uma amartagem no planeta vermelho (fique registado que PRAVDA.Ru inventou esta palavra. Se na Terra é aterragem e na Lua aluagem, então…).

O espaço tinha três módulos e uma capacidade de 550 metros cúbicos. Cada participante tinha um quarto com 3,2 metros quadrados. A experiência é um projecto conjunto com a participação do Instituto para Assuntos Médicos e Biológicos e a ESA – Agêngia Espacial Europeia. Haverá outra simulação este ano, mais longa. 6 tripulações irão passar 520 dias no módulo – o tempo de uma viagem de ida e volta a Marte.

Timofei BYELO


Loading. Please wait...

Fotos popular