Pravda.ru

Ciência

As dimensões sociais e humanas das alterações climáticas

11.01.2009
 
As dimensões sociais e humanas das alterações climáticas

É ponto assente na comunidade científica a ligação das alterações climáticas ao comportamento humano.

A destruição do ambiente não é mais que um desastre cumulativo provocado pelo efeito conjunto de milhões de comportamentos individuais. Para se poder modificar esses comportamentos é necessário compreender os factores que estão na origem desses padrões comportamentais e da sua mudança. Uma das áreas mais promissoras de trabalho nas ciências humanas e físicas é a da interface entre os fenómenos ambientais e o comportamento individual.

Este seminário que tem lugar no próximo 27 de Janeiro, às 14,30, no Salão Nobre da Reitoria da UL, (v. Anexo), pretende juntar especialistas nacionais,( Filipe Duarte Santos e Viriato Soromenho Marques, UL), com um dos maiores especialistas mundiais da área, (Paul Stern, National Research Council, EUA), para discutir esta temática com profundidade pela primeira vez em Portugal.

Deixar os simplismos de considerar o ser humano como racional ou como irracional mas sim como um ser limitado cuja relação com o ambiente é puramente funcional e utilizadora de recursos. A ciência mais recente do diagnóstico e da intervenção será apresentada em Lisboa durante estes dias.

O seminário organizado pela Universidade de Lisboa e pelo X congresso de psicologia ambiental junta especialistas de diversas áreas reflectindo pela primeira vez conjuntamente sobre o papel do comportamento humano individual e grupal na mudança global. É uma oportunidade única que, decerto, ficará como marco da discussão científica sobre as alterações climáticas em Portugal.


Loading. Please wait...

Fotos popular