Pravda.ru

Ciência

Gripe A H1N1: 4.560 casos na Rússia

09.11.2009
 
Gripe A H1N1: 4.560 casos na Rússia

19 mortos de um total de 4.560 casos de Gripe A H1N1 na Federação Russa de acordo com a Ministra de Saúde, Tatiana Golikova em declarações numa conferência de imprensa na segunda-feira.

Falando num hospital numa cidade perto de Moscovo, onde foi para supervisionar o início de uma campanha nacional de vacinação, Golikova disse que o número foi de 3.122 na semana passada.

Rospotrebnadzor, organismo que vigia o setor sanitário e os direitos dos consumidores, disse na sexta-feira que o número de mortos da gripe subiu para 19. A região de Moscovo e regiões da Sibéria, Extremo Oriente e noroeste foram os mais duramente atingidos pelo vírus H1N1.

Vacinação em massa contra a gripe A começou em cinco regiões da Rússia na segunda-feira. A equipe médica, funcionários de energia elétrica e instalações de tratamento de água e outras instalações serão inoculadas em primeiro lugar.

Quatro vacinas contra o vírus foram testados e registados na Rússia. O governo tem direito a 4 bilhões de rublos ($ 140 milhões) para comprar os primeiros 43 milhões de doses de vacinas. Rússia tem planos para 35,5 milhões de doses antes do final do ano.

Golikova advertiu na semana passada contra o pânico sobre o vírus, que causou uma escassez de máscaras de médicos e medicamentos antivirais em clínicas. Balconistas e pedestres usando máscaras de rosto médicos tornaram-se uma vista comum em Moscovo e outras cidades russas. As férias de Outono foram prolongadas em muitas escolas na capital e outras grandes cidades.

A Organização Mundial da Saúde disse no sábado que cerca de 6.100 pessoas morreram da gripe A H1N1 em todo o mundo, com o número total de casos oficialmente confirmados superior a 482.000 em 199 países.

Fonte: RIA Novosti

Olga SELYANINA


Loading. Please wait...

Fotos popular