Pravda.ru

Ciência

Moradores da Amazônia receberão 1,1 milhão de mosquiteiros

08.09.2011
 

Moradores da Amazônia receberão 1,1 milhão de mosquiteiros. 15562.jpegOs moradores dos 47 municípios da Amazônia Legal, onde o risco das pessoas contraírem malária é maior, receberão 1,1 milhão de mosquiteiros ou cortinados impregnados com inseticida de longa duração.

A região concentra 99% dos casos registrados no País. A estratégia faz parte da campanha Mobilização contra a Malária, que colocará em ação os agentes da Estratégia Saúde da Família e os de endemias para orientar a população local com base em materiais como panfletos, gibis e DVDs.

O Ministério da Saúde pretende ainda reforçar a importância do diagnóstico precoce na região e incentivar a realização do tratamento completo - que varia de três a sete dias. Os principais objetivos são apoiar os municípios no controle da doença, aumentar os pontos para diagnóstico e o envolvimento das comunidades em regiões de risco e estimular o trabalho conjunto com países vizinhos.

Malária - No mundo, atualmente, cerca de 243 milhões de casos de malária e 863 mil óbitos são registrados por ano, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS). As regiões mais afetadas são África, América do Sul e Ásia. No Brasil, 49 milhões de pessoas vivem em áreas de risco. Os criadouros preferenciais do mosquito são os igarapés.

Se não tratada, a doença pode evoluir rapidamente e levar a óbito. Entre os sintomas, os mais comuns são dor de cabeça e no corpo, fraqueza, febre alta e calafrios. A malária tem cura e o tratamento é eficaz, simples e gratuito. Ainda não existe vacina disponível contra a doença. 

Número de casos de malária caiu 31%

O número de casos de malária da Amazônia Legal caiu 31% nos primeiros seis meses deste ano em relação ao mesmo período de 2010. Entre janeiro e junho de 2011, as notificações somaram 115.708, contra 168.397 no mesmo período de 2010. Já as internações tiveram redução de 20%, passando de 2.544 para 2.030. Os dados constam no balanço epidemiológico do Ministério da Saúde. A diminuição de casos foi verificada em todos os estados da Amazônia Legal. 

Confira aqui a apresentação da entrevista sobre a malária.

SECOM


Loading. Please wait...

Fotos popular