Pravda.ru

Ciência

Médicos venezuelanos e cubanos avaliam ações de combate à dengue

02.04.2009
 
Médicos venezuelanos e cubanos avaliam ações de combate à dengue

Os médicos venezuelanos e cubanos que vieram a Bahia para ajudar o Governo do Estado no combate à dengue retornam ao seus países de origem após duas semanas acompanhando as ações estaduais de combate e controle do Aedes aegypti. Em visita, nesta quarta-feira (1º), ao governador Jaques Wagner, eles fizeram uma avaliação das medidas realizadas na Bahia.


“O Governo da Bahia tomou iniciativas importantes para o combate à dengue, como a conscientização da população, principalmente nas áreas que registram índices altos de focos do mosquito, e a instalação dos postos de hidratação para atendimento imediato dos pacientes com sintomas da doença”, afirmou a diretora Nacional de Vigilância Epidemiológica do Ministério da Saúde da Venezuela, Fátima Garrido. A equipe médica é especializada em ações de controle de doenças transmitidas por vetores (como a dengue, transmitida por um mosquito, o Aedes aegypti).


O reforço da Venezuela ao combate a dengue foi fruto da visita do governador Jaques Wagner ao país. Os venezuelanos enfrentaram o primeiro surto de dengue em 1989. No país, circulam os quatro vírus da dengue isolados até agora, o DEN 1, DEN 2, DEN 3 e DEN 4.


Segundo o secretário estadual da Saúde, Jorge Solla, a cooperação com o Ministério da Saúde da Venezuela não vai se restringir ao combate à dengue. A contribuição poderá se estender também nas ações para a redução da mortalidade infantil, a exemplo da parceria que já existe com a Província de Tucumã, Argentina. A relação entre Venezuela e Bahia poderá ocorrer também nos setores de turismo e educação.

Texto: Agecom

http://www.noticiasdabahia.com.br/editorias.php?idprog=05b8caaf6ba6f4bdb68675ab8b893bda&cod=3091


Loading. Please wait...

Fotos popular