Pravda.ru

Federação Russa

A política estrangeira de Theresa May

30.03.2018
 
A política estrangeira de Theresa May. 28485.jpeg

A política estrangeira de Theresa May

Thierry Meyssan

Thierry Meyssan prossegue o seu estudo das políticas estrangeiras nacionais. Após ter analisado a da França, agora ele debruça-se sobre a do Reino Unido. Se a primeira é considerada como o «domínio reservado» do Presidente da República e, a este título, escapa ao debate democrático, a segunda mais ainda uma vez que é elaborada por uma elite rodeando a monarca, à revelia de qualquer forma de contrôlo popular. O Primeiro-ministro eleito deve apenas aplicar as escolhas da Coroa hereditária. Face ao falhanço do projecto norte-americano de mundo unipolar, Londres tenta restaurar o seu antigo poder imperial.

Este artigo dá sequência a : "A política estrangeira do Presidente Macron", Thierry Meyssan, Tradução Alva, Rede Voltaire, 13 de Março de 2018.

Global Britain - o Reino Unido Mundial

A 13 de Novembro último, Theresa May aproveitava o discurso anual do Primeiro-ministro na Câmara Municipal (Prefeitura-br) de Londres para dar um vislumbre sobre a nova estratégia britânica, após o Brexit [Theresa May speech to the Lord Mayor's Banquet 2017" («Discurso de Theresa May no Banquete do Lord Mayor em 2017»- ndT), by Theresa May, Voltaire Network, 13 November 2017.

[2] Ao fazê-lo a Sra May confirmava o meu prognóstico no dia seguinte ao Brexit, dezasseis meses antes : "A nova política estrangeira britânica", Thierry Meyssan, Tradução Alva, Rede Voltaire, 4 de Julho de 2016. Mas, como eu explicarei no seguimento deste artigo, esta visão chocou com a aliança russo-chinesa.

[3] "O carácter indivisível e universal da segurança global", Vladimir Putin, Tradução Resistir.info, Rede Voltaire, 11 de Fevereiro de 2007.

[4] Esta questão é fundamental. Ela foi largamente debatida por Edmund Burke e Thomas Paine. É esta diferença irreconciliável que opõe os Direitos do homem anglo-saxónicos (definidos pela Declaração de Maria II de Inglaterra em 1689) e o sistema de monarquia parlamentar que daí decorre, por um lado, e por outro os Direitos do homem francês (definidos pela Declaração da Assembleia Nacional Constituinte de 1789) que põe fim às três ordens do "Ancien Régime".

[5] "Dynamic Security Threats and the British Army" («Ameaças Dinâmicas de Segurança e o Exército Britânico»- ndT), by General Sir Nick Carter, Voltaire Network, 22 January 2018.

[6] "Vladimir Putin Address to the Russian Federal Assembly" («V. Putin discursa perante a Assembleia Federal da Rússia»- ndT), by Vladimir Putin, Voltaire Network, 1 March 2018.

[7] "O exército britânico dota-se de uma unidade contra a propaganda russa", Tradução Alva, Rede Voltaire, 30 de Janeiro de 2018.

[8] "Global Britain inquiry", Foreign Affairs Committee, UK House of Commons.

[9] "Os Quads preparam um contra-projeto à Rota da Seda", Tradução Alva, Rede Voltaire, 1 de Março de 2018.

[10] « Syrieleaks : un câble diplomatique britannique dévoile la "stratégie occidentale" », par Richard Labévière, Observatoire géostratégique, Proche&Moyen-Orient.ch, 17 février 2018.

[11] "Dois laboratórios de armas químicas descobertos entre os «rebeldes moderados» sírios", Tradução Alva, Rede Voltaire, 17 de Março de 2018.

[12] « Attentat de Salisbury : Déclaration conjointe chefs d'État et de gouvernement de la France, de l'Allemagne, des États-Unis et du Royaume-Uni », Réseau Voltaire, 15 mars 2018.

[13] « Déclaration du Conseil de l'Atlantique Nord sur l'emploi d'un agent neurotoxique à Salisbury », Réseau Voltaire, 14 mars 2018.

[14] « Conclusions du Conseil européen sur l'attaque de Salisbury », Réseau Voltaire, 22 mars 2018.

[15] « John Bolton et le désarmement par la guerre », Réseau Voltaire, 30 novembre 2004.

Fonte : "A política estrangeira de Theresa May", Thierry Meyssan, Tradução Alva, Rede Voltaire, 28 de Março de 2018, www.voltairenet.org/article200379.html

 


Loading. Please wait...

Fotos popular