Pravda.ru

Federação Russa

Cimeira de Mafra: Muito positiva

26.10.2007
 
Cimeira de Mafra: Muito positiva

A agenda da Cimeira de hoje, a vigésima Cimeira U.E.-Rússia, contou com um grande número de assuntos, nomeadamente comércio, energia, investimento, voos sobre Sibéria, exportações de carne da Polónia, Irão, Kosovo e o escudo norte-americano na Europa. Apesar do pessimismo expresso antes do evento, foram acordadas vários diplomas. A realçar mais uma vez, o bom clima criado em Portugal pelo Presidente Aníbal Silva e o PM José Sócrates.

Relativamente ao escudo anti-míssil, Vladimir Putin disse que os planos poderiam causar uma crise como na Cuba nos anos 60, quando os EUA reclamaram por causa da URSS colocar mísseis perto das suas fronteiras (na ocasião, a URSS não instalou os mísseis em Cuba e os EUA retiraram as bases na Turquia, prometendo não atacar mais a Cuba, depois da invasão falhada na Baia dos Porcos). Lembrando da crise no Caribe, Presidente Putin declarou hoje que “para nós, tecnologicamente, a situação é muito parecido”.

Na área de energia, as duas partes chegaram a um acordo, empenhando-se numa partilha de informações para minimizar os efeitos de qualquer eventual crise nos fornecimentos (a UE depende da Federação Russa para o fornecimento de 30% do seu gás).

Também as duas partes chegaram a um acordo sobre o aumento das exportações de aço russo para a U.E. e outros planos para lutar contra o tráfico e consumo de estupefacientes.

Timofei BYELO

PRAVDA.Ru


Loading. Please wait...

Fotos popular