Pravda.ru

Federação Russa

Putin: Rússia não quer anexar a Abkhazia e a Océtia do Sul

26.10.2006
 
Putin: Rússia não quer anexar a Abkhazia e a Océtia do Sul

Ontem respondendo a questões do desenvolvimento das relações entre Moscou e Tbilissi, Vladimir Pútin assinalou que a militarização da Geórgia é causa da piora das relações entre os dois países.

" A Rússia não quer anexar a Abkhazia e a Océtia do Sul" – repúblicas que proclamaram a independência da Geórgia , declarou Vladimir Pútin.

"Mas nós não podemos admitir derramamento de sangue nessa região. Moscou está preocupada com os planos da Geórgia de ingressar na OTAN, e com o fato de que a atual direção da Geórgia prepara-se para resolver os problemas da Océtia do Sul e da Abhazia por meio da força. Deve-se impedir isto"  considera Vladimir Pútin.

" Espero que as autoridades georgianas não sejam semelhantes a outros países que ignoram a opinião da comunidade internacional, que ouçam a opinião da comunidade e tomem todas as medidas necessárias para resolver seus problemas por meio pacífico – disse o presidente da Rússia. A Rússia, de sua parte, como antes está disposta a que relações entre povos tão próximos como o georgiano, tornem-se normais", assinalou Pútin.

 “O povo georgiano sempre foi muito próximo da Rússia” – disse ele. Ao mesmo tempo, na solução da situação em torno das repúblicas não-reconhecidas, a Rússia irá acompanhar com atenção os precedentes internacionais, inclusive o de Kosovo" – acrescentou o presidente.

 “Existem certas contradições: de um lado fala-se de observância da integridade territorial e a Rússia é a favor disto tanto em relação à Geórgia como em relação a outros países.

 Ao mesmo tempo há também o conceito de direito da nação à autodeterminação. Por isso é necessário considerar estas contradições e, naturalmente, nós iremos acompanhar com atenção os precedentes internacionais, inclusive Kosovo"- declarou Pútin.


Loading. Please wait...

Fotos popular