Pravda.ru

Federação Russa

Rússia desenvolve caça de 5ª geração

23.04.2009
 
Rússia desenvolve caça de 5ª geração

O desenvolvimento de um caça de quinta geração é uma dos projectos mais extensamente discutidos nas forças armadas russas.

Este é um projecto em conjunto com a Índia, parceiro de longa data na cooperação técnica militar, que já confirmou o seu interesse no futuro projecto.

O novo caça a jacto está sendo desenvolvido sob o PAK FA (sistema de aviões de ultima geração) o programa vai substituir modelos de quarta geração agora em serviço nas forças aéreas russas e indianas.

A União Soviética lançou o projecto de caças de quinta-geração nos anos 80. Em meados dos anos 90, o departamento do projecto de Mikoyan desenvolveu o bombardeiro 1.44, igualmente conhecido como o Mikoyan-Gurevich MiG MFI. O departamento do projecto de Sukhoi veio acima com o caça a jacto supersónico experimental S-37 Berkut. O avião S-37 era um protótipo de demonstração da tecnologia avançada. Entretanto, devido à falta de financiamento, o avião do projecto 1.44 não foi incorporado.

Pelo final dos anos 90, tornou-se aparente que os projectos existentes do caça de quinta-geração se estavam tornando obsoletos, que suas versões da produção seriam inferiores ao Águia americano F-22, e que mesmo que fosse finalizado a força aérea receberia tais bombardeiros demasiado tarde. Em consequência, no ano 2000, o governo russo tomou a decisão de desenvolver um caça inteiramente novo de quinta-geração. A Sukhoi, a Mikoyan e a Yakovlev, ofereceram diversas versões do bombardeiro.

O projecto foi confiado eventualmente a Sukhoi, que lhe chamou internamente o T-50.

O T-50 foi programado para executar seu primeiro voo entre 2008 e 2010. Em finais de 2008, o comandante da força aérea russa anunciou que o caça descolaria em Agosto de 2009.


Loading. Please wait...

Fotos popular