Pravda.ru

Federação Russa

Grupo extremísta no Iraque reivindicou o sequestro dos diplomatas russos

20.06.2006
 
Grupo extremísta no Iraque reivindicou o sequestro dos diplomatas russos

O Conselho Shura dos Combatentes Sagrados, coalizão de grupos extremistas em atividade no Iraque, reivindicou hoje os seqüestros de dois soldados americanos e de quatro integrantes do corpo diplomático russo em Bagdá.

Em sua declaração publicada segunda-feira num WEB-sítio islamista, eles exigiram que num prazo de 48 horas as forças militares de Moscou sejam retiradas da Chechênia e que sejam postos em liberdade todos os presos muçulmanos mantidos nas cárceres russas. 

 O representante oficial de Ministério dos Negócios Estrangeiros  se negou  a comentar  a situação: “ Trata-se da vida de nosos funcionários  e é cínico  comentá-la.” -disse. 

 Enquanto o Ministério começou a averiguar minuciosamente a informação recebida. Ainda não se pode dizer se é fidedigna, mas o referido Web-sítio divulga sistematicamente declarações feitas por extremistas iraquianos. 

Os soldados americanos em questão seriam dois militares que desapareceram na sexta-feira, quando rebeldes atacaram um posto de checagem estabelecido pelo Exército dos EUA num distrito sunita ao sul de Bagdá.


Loading. Please wait...

Fotos popular