Pravda.ru

Federação Russa

Em memória das vítimas na Ossétia do Sul

18.09.2008
 
Em memória das vítimas na Ossétia do Sul

Relativamente às actividades em memória realizadas no quadragésimo dia após o início do bombardeamento da cidade de Tschinval na Ossétia do Sul

 No dia 16 de Setembro – no quadragésimo dia após o início dos acontecimentos trágicos na Ossétia do Sul – aqui em Lisboa realizaram-se as actividades em memória para honrar as recordações sobre as inocentes vítimas do bombardeamento bárbaro da cidade de Tschinvali pelo exercito georgiano.

Padre Arceniy, pároco da paróquia ortodoxa de Todos os Santos lisboeta, efectuou a missa de réquiem em memória dos assassinados em Cáucaso. Para rezar sobre as almas dos inocentemente mortos chegaram os funcionários da missão diplomática russa, os representantes da comunidade russa em Portugal, dos meios de comunicação maciça e das embaixadas acreditadas em Lisboa.

Em frente da Embaixada da Rússia em Lisboa e no seu hall foram instalados os mostruários com as fotografias tiradas pela agéncia noticiosa russa ITAR-TASS. Essas fotos servem como as provas documentais dos sofrimentos humanos e da escala da destruição da cidade de Tschinval. A fim de honrar a memória dos assassinados, foi depositada uma coroa de flores e foram também acesas as velas funerárias.

A Embaixada da Rússia em Lisboa agradece sinceramente todos que mostraram o seu respeito pela memória dos cidadãos civis assassinados à noite de 7 a 8 de Agosto de 2008. Esta tragedia não se deve repetir.

Fonte: MRE Federação da Rússia


Loading. Please wait...

Fotos popular