Pravda.ru

Federação Russa

Os planos de Medvedev para a melhoria das Forças Armadas

16.09.2008
 
Os planos de Medvedev para a melhoria das Forças Armadas

“Primeiro de tudo, hoje vamos discutir a aquisição de novas armas, criando novos tipos de armas e, evidentemente, discutir essa questão na sua totalidade, tendo em mente a valorização da imagem das Forças Armadas da Federação Russa nos próximos anos. Precisamos das Forças Armadas modernas, eficazes, e esta é uma das tarefas fundamentais do Estado, de acordo com os documentos que foram aprovadas anteriormente.

“Há algum tempo uma decisão especial foi tomada sobre um substancial aumento de salários para os melhores oficiais que estão em unidades de combate ou tropas que se revelaram adequadamente durante os exercícios militares. Esta foi uma decisão muito importante, e agora devemos concentrar-nos atualizando nossas armas. Iremos fazê-lo consistentemente, com cuidado, e com base em considerações e nas questões que têm surgido nos últimos tempos. Não há dúvida de que estas decisões vão ser afectados pela crise no Cáucaso, a agressão da Geórgia e a continuação da sua militarização.De qualquer forma, esta situação coloca a tarefa que formulei agora entre as primeiras prioridades do Estado nos próximos anos.

“Claro que precisaremos de melhorar a preparação e a formação das nossas Forças Armadas de modo geral. Iremos realizar exercícios, efectuar visitas, e participar nestas actividades, não só na Federação da Rússia, onde já estamos a fazê-los numa base regular, mas também nos países que estão entre os nossos aliados mais próximos - Quero dizer os nossos parceiros do OTSC (Organização do Tratado de Segurança Colectiva – Arménia, Bielo-Rússia, Cazaquistão, Quirguistão, Rússia e Tajiquistão). Iremos trabalhar sobre estas questões com outros estados que querem expandir cooperação técnica e militar com a Federação Russa. Tenho, portanto, decidido enviar a nossa aviação estratégica para a Venezuela a convite da liderança aí. Haverá também exercícios navais, uma componente marítima, e os exercícios serão realizados em outra parte também. As Forças Armadas da Federação da Rússia vai beneficiar com isso, claro”.

O Presidente também referiu ao atentado terrorista nos EUA no dia 11 de Setembro de 2001, chamando-o “ um dia triste para os Estados Unidos e para todos os países que sofrem com o terrorismo. E gostaria, em primeiro lugar, de dizer mais uma vez que, infelizmente, a ameaça terrorista permanece real. A humanidade não superou este desafio e da Federação da Rússia está pronta cooperação com os Estados Unidos e com outros países no combate ao terrorismo. Acreditamos que essa é a nossa prioridade máxima e acreditamos que isso é muito mais útil para os Estados Unidos do que desenvolver as relações com os regimes podres envolvidos em aventuras militares. Obrigado”.

Presidente Dmitry MEDVEDEV

Fonte: MRE da Federação Russa


Loading. Please wait...

Fotos popular