Pravda.ru

Federação Russa

Venezuela compra na Rússia os submarinos da quarta geração

14.06.2007
 
Venezuela compra na Rússia os submarinos da quarta geração

Os expertos militares da Venezuela mantêm as “consultas ativas” com seus colegas da Rússia com objetivo de adquisição de um importante lote de submarinos , noticia esta quinta-feira (14) Ria-Novosti, citado uma fonte anónima do setor naval russo.

“ Agora é demasiado cedo para informar data ou cifras concretas “ , mas as negociações tratam de diferentes variantes , em particular, do fornecimento de “ submarinos da quarta geração Amur-950 e Amur-1650”, assim como “ modelos do projeto 636 que têm integrado um sistema lança-mísseis”, disse a fonte.

Os sistemas de mísseis russos Club-S, integrados em submarinos , não têm comparação no mundo. Foram desenvolvidas para destruir objetos submergidos em água, costeiros e de superfície aquática em condições da forte resistência radioelectrónica e de fogo.

Segundo o jornal russo Kommersant o ajuste comercial já está confirmado e o acordo será assinado durante a visita do presidente venezuelano Hugo Chávez à Rússia nas finais deste mês . De acordo com jornal que cita  hoje suas fontes também anónimas, Caracas encomendou cinco submarinos diesel-eléctrico 636 e quatro de um novo modelo de submarino diesel-eléctrico Amur 677E que irá fornecido às Forças Armadas  russas só este ano. O lote está avaliado em 1-2 bilhões de dólares .

Se a venda for realizada, poderia convertir-se “em um novo fator de irritação nas relações entre Moscou e Washington”, comenta Kommersant.

 Venezuela quer submarinos para enfrentar um eventual bloqueio naval dos EUA.

Desde 2005, Caracas gastou 3.400 milhões de dólares (2.600 milhões de euros) em armas de Rússia, incluindo 24 aviões de caça, 35 helicópteros militares, sistemas de defesa aérea e 100.000 metralhadores Kalashnikov.

 Por Lyuba Lulko


Loading. Please wait...

Fotos popular