Pravda.ru

Federação Russa

Lavrov e Larijani querem aumentar a cooperação bilateral

10.11.2006
 
Lavrov e Larijani querem aumentar a cooperação bilateral

A Rússia e o Irã chegaram a uma conclusão de que é precíso aumentear a cooperação bilateral , declarou hoje   o secretário do Supremo Conselho de Segurança Nacional do Irã, Ali Larijani, após terminar o encontro com o ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Serguei Lavrov.

O tema do programa nuclear iraniano é o assunto central a focalizar nas conversações em Moscou.

A umas horas do início de sua visita oficial a Moscou, Larijani chamou a Rússia de um amigo do Irã e lembrou que as relações bilaterais deitaram profundas raízes históricas.” Durante este ano, trocamos uma série de visitas no intuito de aproximar os nossos pontos de vista em relação às possibilidades de resolver o problema nuclear – disse Ali Larijani.

Larinjani tambem declarou que o Irã vai revisar suas relações com a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) se o Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) rejeitar mudanças propostas pela Rússia em uma resolução sobre sanções.

A resolução, elaborada por Grã-Bretanha, França e Alemanha, exige que países impeçam venda e abastecimento de equipamentos, tecnologia e fundos que contribuam para os programas nucleares e de mísseis balísticos do Irã.

A Rússia propôs que se retire grandes partes da resolução, incluindo trechos relacionados a congelamento de bens e proibição de viagens.

"Vamos rever nossas relações com a AIEA se a ONU aceitar a resolução sem levar em conta as emendas feitas pela Rússia", disse Ali Larijani, de acordo com a agência de notícias Interfax.


Loading. Please wait...

Fotos popular