Pravda.ru

Federação Russa

Sibéria: Desastre com Airbus

09.07.2006
 
Sibéria: Desastre com Airbus

Fontes locais disseram que entre 60 e 70 passageiros saíram vivos do avião, alguns com queimaduras, outros com intoxicação por causa de terem respirado gases tóxicos quando o Airbus 3120-300 da transportadora aérea S7, saiu da pista de aterragem ao chegar à cidade de Irkutsk, 4,500 Km a leste de Moscovo, chocou com uma parede de betão, e se incendiou.

O incidente com o voo número 788 sucedeu às 23.44 MSK (07.44 horas locais). Igor Levitin, o Ministro dos Transportes, declarou que a tripulação tinha comunicado com a torre de controlo, dizendo que a aterragem tinha terminado com sucesso.

Fontes locais declaram que a pista estava molhada, pois estava a chover na região, o que levanta a questão colocada por alguns, se o aparelho entrou num processo de aqua-planagem.

Outras versões postuladas pelo Ministério de Situações de Emergência são que houve um incêndio a bordo depois da aterragem, ou que o trem de pouso se incendiou. O aparelho tinha efectuado mais que 10.000 voos, tendo registado 52.000 horas e de acordo com a companhia S7, estava em boas condições tendo feito todos os testes obrigatórios.

Presidente Putin prometeu disponibilizar todos os meios para assistir os sobreviventes e deu suas condolências às famílias das vítimas.

As caixas laranjas estão a ser analisadas em Moscovo.

Timofei BYELO

PRAVDA.Ru


Loading. Please wait...

Fotos popular