Pravda.ru

Federação Russa

Incêndio no submarino nuclear russo: não há riscos de contaminação radioativa

07.09.2006
 
Incêndio no submarino nuclear russo: não há riscos de contaminação radioativa

 O submarino nuclear,  K-414, da Frota russa do Mar do Norte , que em 1996 recebeu o nome de São Daniil Moskovski, ontem pegou   fogo, causando a morte de dois marinheiros,   informou hoje um porta-voz do centro de imprensa da Marinha da Rússia.

Um porta-voz da frota declarou а agência "Interfax" que o incidente não apresenta riscos de contaminação radioativa, porque o reator nuclear foi desligado pelos sistemas de proteçгo.

"O incêndio no submarino foi sufocado por volta de 0h de Moscou (17h de quarta-feira, em Brasília, 21h em Lisboa). O acidente aconteceu no compartimento eletromecânico", acrescentou a fonte.

O porta-voz não soube dizer se o submarino estava na superfície ou submerso na hora do acidente. Mas informou que os mortos são um contramestre e um marinheiro.

O reactor nuclear foi desligado e o submarino, actualmente, está sendo rebocado para a sua base, em Vidiáyevo, аs margens do mar de Barents, onde deve chegar аs 12h (5h de Brasнlia, 10h em Lisboa). Segundo ITAR-Tass se encontram a bordo 96 tripulantes.

O incidente no  São Daniil Moskovski aconteceu poucas semanas depois do sexto aniversário do afundamento do submarino nuclear Kursk, também da Frota do Mar do Norte, que causou a morte de seus 118 tripulantes.

O Kursk afundou em 12 de agosto de 2000 durante exercícios navais no Mar do Norte, em consequência de uma explosão na câmara de torpedos.


Loading. Please wait...

Fotos popular