Pravda.ru

Federação Russa

Escândalo Baturina - Forbes aumenta as vendas da revista

04.12.2006
 
Escândalo Baturina - Forbes aumenta as vendas da revista

A editora russa da revista "Forbes" foi obrigada a destruir toda a edição de dezembro dedicada a Elena Baturina, a mulher do prefeito de Moscou, Yuri Luzkov, e a mulher mais rica do país, anunciou nesta sexta-feira o chefe de redação da publicação, que apresentou sua demissão.

Na capa da ediçáo foi colocado a foto de Baturina com um anuncio: “ Elena Baturina. A única mulher billionária na Rússia” e com  uma citada da própria Baturina: “A defesa está garantida para mim “. Segundo Baturina esta frase foi tirada do contexto , e a frase correta a  dizer ela  ao jornalista era seguinte:” Para mim, como a qualquer outro investidor está garantida a defesa dos meus direitos.” Elena Baturina declarou que segundo o anúncio da Forbes os leitores poderiam chegar a uma opinão falsa de que a defesa lhe assegure seu dinheiro.

Toda a tiragem, que devia ser colocada à venda em 30 de novembro, foi destruída, informou Maxim Kachulinski à rádio Eco de Moscou, explicando que as "queixas" apresentadas pelo grupo Inteko, controlado por Baturina e que ameaçou a "Forbes" com ações judiciais, forçou a retirada da edição de dezembro das bancas.

A editora da versão russa da "Forbes", Alex Springer Russia, esclareceu, em um comunicado, que a decisão de suspender o número de dezembro se justifica pelo "não respeito dos princípios da deontologia jornalística".

A redação da Forbes decidiu lançar a edição de dezembro corrigindo a frase na capa. O preço de número de dezembro será 20 % mais elevado . Segundo a informação do Gazeta.ru de um quiosque de Moscou os habituais 20 números da revista foram comprados hoje com uma velocidade fantástica.

Com uma fortuna calculada em US$ 2,4 bilhões, Baturina, 43, proprietária e diretora da Inteko, é a 29ª pessoa mais rica da Rússia, sendo a mulher mais rica do país, segundo a "Forbes".


Loading. Please wait...

Fotos popular