Pravda.ru

Federação Russa

Futuro presidente do país deveria ser integrante de um partido

01.10.2007
 
Futuro presidente do país deveria ser integrante de um partido

O vice-primeiro-ministro do Governo russo, Dmitri Medvedev, acha que o futuro presidente do país deveria ser integrante de um partido. Não vejo nada mal em que o presidente seja um militante”, é mais : creio que no futuro é necessário que comparta a ideologia de algum partido”, disse este funcionário numa entrevista no domingo(30) Terceiro Foro Nacional Mediático da Rússia Unida , partido em poder.

 Segundo Medvedev o país está preparado para isto “ em grado muito mais maior que há 10 ou 12 anos , quando o aparecimento de uma pessoa com o cartaz partidário na máxima posição tinha havido desgarrado a Rússia.

Medvedev não pensa incorporar-se à lista da Rússia Unida nas eleições parlamentares no próximo 2 de dezembro, por ter “ outros ocupações importantes”. “Alguém deveria ocupar-se também de questões ruínas”, explicou. Falando sobre as eleições presidenciais no março próximo , Medvedev destacou que “ terá suficientes candidaturas dignas , tanto as esperadas como aquelas que não as são”.

 Medvedev negou dizer se vai a canditatar-se à presidência, observando que ainda é prematuro conversar sobre o tema : “ Primeiro , porque acaba de acontecer uma alteração no Governo e , segundo, porque a campanha eleitoral das presidenciais ainda não começou”.

 Por Lyuba Lulko


Loading. Please wait...

Fotos popular