Pravda.ru

Notícias » unknown


Instituição registra queixa-crime contra o médico-legista George Sanguinetti

28.05.2008 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Instituição registra queixa-crime contra o médico-legista George Sanguinetti

Nesta quarta-feira a Maria do Rosário Serafim, presidente da APCESP (Associação dos Peritos Criminais do Estado de São Paulo), disse que a instituição irá registrar queixa-crime contra o médico-legista George Sanguinetti devido às criticas feitas por ele ao trabalho da Polícia Técnico-Científica de São Paulo no caso da morte de Isabella Nardoni, 5, de acordo com a Folha On Line.

"Ele vai ter que provar o que falou", disse Serafim. Ela diz que a associação estuda processar Sanguinetti por injúria, calúnia e difamação.

Contratado pela defesa do casal Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá, pai e madrasta da menina acusados de tê-la assassinado, Sanguinetti afirmou que o laudo sobre a morte é uma "vergonha" e não possui valor "probante". Ele apresentou suas conclusões à imprensa na segunda-feira (26), depois de analisar o laudo do IC (Instituto de Criminalística).

"Uma perícia inicial de duas horas é uma vergonha. Normalmente o trabalho inicial é mais profundo. Os laudos foram medíocres e não têm valor 'probante'. Não há provas técnicas de que ela [Isabella] tenha sido espancada", afirmou Sanguinetti durante a apresentação. "O laudo é equívoco e nulo [no aspecto do direito]. Vim aqui trazer um dado correto".

Sanguinetti sustenta que, diferente do que dizem os policiais, os ferimentos encontrados no pescoço da menina não foram causados por estrangulamento, mas sim por manobras de tentativas de socorro.

Outro lado

Questionado, Sanguinetti afirmou que as ameaças são uma tentativa de fazê-lo calar e que ele aguarda a notificação da Justiça sobre o registro.

"Veja como eu estou incomodando. Eu trago uma linguagem científica, um dado técnico, e as pessoas não contra-argumentam, não têm como rebater."

 
2003
Loading. Please wait...

Fotos popular