Pravda.ru

Notícias » unknown


Rumsfeld: Saddam pode ter destruído ADM antes do ataque

28.05.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O Secretário de Defesa dos Estados Unidos da América disse muitas coisas nas últimas semanas. Até comparou o Lenin com o Hitler. Agora, depois de meses de afirmações em que garantiu que o regime Ba’ath em Bagdade tinha Armas de Destruição Maciça, vem a frase que afinal o armamento poderia ter sido destruído antes do lançamento do ataque.

Falando em Nova York, o Secretário de Defesa norte-americano declarou que ficou surpreendido pelo fato de as forças armadas do Iraque não terem utilizado as armas de destruição maciça contra as tropas norte-americanos, como ele previra, mas “Também há a possibilidade deles terem destruído este armamento antes do conflito”.

Sendo este o caso, não houve justificação nenhuma para a campanha ilegal e assassina perpetrada pela administração de Bush contra o Iraque. Sendo este o caso, e tudo indica que sim, onde estava a justificação pela chacina dos civis?

Se houvesse um acordo entre as forças armadas norte-americanos e os altos oficias da Guarda Republicana, garantindo uma passagem fora do Iraque para estes e uma promessa de não combater em Bagdade, o que aconteceu, contra quem lançou a Força Aérea dos EUA aquela campanha de bombardeamento?

Contra civis? Sendo este o caso, a administração Bush tem de responder a acusações graves. Se milhares de pessoas são assassinadas numa acção bélica que não tem justificação sob a lei internacional, este acto é um crime de guerra e os responsáveis são criminosos de guerra, o que Bush, Cheney e Rumsfeld são...ou por outras palavras, assassinos.

Se o regime de Saddam Hussein destruiu os ADM antes do ataque, estava a cumprir as normas da lei, o que significa que o Iraque foi a vítima dum acto de agressão ilegal. Sendo assim, têm de ser pagos reparações ao estado do Iraque, indemnizações têm de ser pagos às famílias das vítimas chacinadas na campanha bárbara e assassina contra alvos civis e os responsáveis deveriam responder num tribunal de lei pelos crimes que cometeram.

Se o regime em Bagdade destruiu o armamento antes do ataque, então a “evidência” que Colin Powell apresentou à ONU, onde afirmou que o Iraque tinha programas de ADM activos, mais não era do que um monte de mentiras deste o início até ao fim, fazendo de Powell, no pior das hipóteses, um mentiroso descarado e no melhor, um palhaço que nem sabe o que diz. Se o armamento foi destruído em tão poucos dias, o que tiveram não era de certo armamento proveniente de programas activos, mas sim, se é que tiveram, alguns restos de armamento velho.

Se o Iraque não destruiu o armamento, onde está? Não é uma pergunta que vai desaparecer, embora com certeza a administração de Bush queria que ninguém falasse no assunto e o esquecesse convenientemente. É uma pergunta que irá ser levantada cada vez mais, de viva voz, mais insistente e constantemente, até que se descubra a verdade. A pergunta para os senhores Bush, Cheney, Rumsfeld e Powell está aqui para eles responderem: Onde estão as armas de destruição maciça, a pretexto dos quais a vossa administração atacou o Iraque?

Timothy BANCROFT-HINCHEY PRAVDA.Ru

 
3189
Loading. Please wait...

Fotos popular