Pravda.ru

Notícias » unknown


Herois ou monstros?

23.05.2005 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Li vários artigos públicados no orgão oficial do PCP e conclui embora não seja caso para grandes alaridos, a polémica justifica-se. Em primeiro lugar a imagem de Estaline não é reabilitável, foi ao lado de Hitler um dos maiores monstros do Sec XX.

Não esqueço que a luta do povo soviético foi fundamental e imprescíndivel à vitória dos aliados. Essa vitória deveu-se ao sacrifício do povo que preferiu queimar as suas terras a entregá-las aos nazis, foram os soviéticos que em toda a guerra sofreram maior número de baixas tanto militares como cívis.

O contributo de Estaline não desculpa os crimes do Exercito vermelho aquando da invasão da Alemanha. O avante ao referir num artigo o acordo germano-soviético, esquece que este permitiu a divisão e invasão da Polónia e os consequentes massacres do povo polaco, tanto por parte dos alemães como dos soviéticos.

A imagem que Estaline cultivava parecia mais a de um ditador fascista que comunista, o que só prova que os extremos também se tocam. Estaline saiu-se bem na imagem da guerra, A foto dele está em Yalta e em Potsdam, mas e depois?

Matou, directa ou indirectamente, milhares de pessoas na Rússia, tanto em resultado de execuções como das politicas agricolas que mataram à fome milhares de camponeses. Contribui para a divisão da Europa, aqui a culpa não é só dele. Os EUA e a Inglaterra também têm culpas, pois os Aliados decidiram entre eles a divisão da Europa, condenando os paises de Leste a viverem mais de 40 anos de ditaduras comunistas, algumas bem brutais como a romena.

Éstaline viveu os seus últimos anos de completa loucura, via conspirações em todo o lado, a paranóia era tal que mandou matar alguns colaboradores fiéis. É este homem que ainda hoje a Rússia de Putin homenageia. Quanto à guerra, prefiro recodar uma imagem que vi num documentário, soldados americanos, ingleses e russos comemoram, dançando nas ruas de Berlim, a vitória aliada sobre a Alemanha nazi, pena que essa união tivesse durado pouco. Não me considero comunista, embora seja de esquerda e acredite que o marxismo pode ser possível.

O sonho quase foi possível; No Chile, Salvador Allende, torna-se no primeiro líder comunista a chegar ao poder democráticamente, o país vivia um sonho de liberdade. Mas a américa não podia tolerar um regime comunista ali tão perto. O general Pinochet, apoiado pela CIA levou a cabo um sangrento golpe de estado que culminaria num brutal regime que matou milhares de pessoas entre as quais o próprio Salvador Allende. Para alguns Pinochet é um assassino, para outros é um heroi que livrou o país da ditadura comunista. Nunca saberemos no que daria o governo de Allende, mas sabemos no que deu o governo de Pinochet.

A propósito, o ex-ditador chileno foi ontem de novo hospitalisado, parece que devido a problemas cardíacos, o seu estado parece não ser muito grave. Não desejo a morte a ninguém mas é caso para dizer "Vaso ruim não quebra".

Estes homens foram heróis ou monstros? Parece que descobriram agora que Hitler também tinha um lado humano, gostava de crianças e tinha um grande afecto pela sua cadela "Blondie". As pessoas tendem a esquecer que eles no fundo também eram seres humanos, embora por vezes os próprios se esquecessem disso.

Não sou nem pretendo ser historiador, sou apenas um amante da história; por isso se o meu artigo tem alguma incorrecção, agradeço que me corrijam. Deixem também os vossos comentários, de agrado ou desagrado. Iberus

 
3579
Loading. Please wait...

Fotos popular